31 de maio de 2011

ANIVERSÁRIO DO BLOG EDUCAR

"SEMANA LITERÁRIA E ARTÍSTICA DA BIBLIOTECA PRINCESA ISABEL"
Diretora Marita Lopes abrindo o evento

O blog Educar completou dois anos no dia 29 de maio de 2011 e já teve mais de 30 mil visitantes. Profissionais de outras áreas solicitam participação e contribuem com notícias além de divulgar nosso trabalho em seus sites e enviar para seus contatos os pedidos de votação, por exemplo, como acontece todos os anos de maio até outubro quando sai o resultado dos vencedores do "PRÊMIO TOP BLOG" , devido à relevância e dimensão da popularidade alcançada na web. E é por este motivo que temos postagens das mais variadas áreas e temas.Graças aos conteúdos relevantes e criteriosamente selecionados para pesquisa ou leitura, recebemos visitas de vários países. Todos os interessados em divulgar seus trabalhos (artigos, imagens, aulas, poesias, etc) podem enviar por e-mail para biblioteca.princesaisabel@yahoo.com.br, para que possamos postar aqui.
Os conteúdos são postados nos computadores da biblioteca ou na sala de informática.Como consta na matéria do site do Jornal de Santa catarina, o blog é o meu caderno de registros, devido à praticidade. Os alunos relatam, fazem as fotos e elas são guardadas em álbuns na web.
http://picasaweb.google.com/livrocais
A Programação cultural segue até a próxima sexta-feira dia 03 de junho.
Os alunos da 8ª série tiveram a honra de receber o repórter e o fotógrafo Artur Moser, ambos profissionais do Jornal de Santa Catarina para palestra e debates sobre Mídia, Cultura e Educação. (Profª Fátima)
leia a matéria...
http://www.clicrbs.com.br/jsc/sc/impressa/4,186,3327698,17204
......................................................
Bolo do Aniversário do blog - EDUCAR PARA A SUSTENTABILIDADE

Patricia (Coord. - Alemão - SEMED/Blumenau-SC) Ione Coord. - L.Portuguesa - SEMED/Blumenau-SC) MaritaLopes - Diretora da escola e Fátima (Biblioteca).

A escritora Maria de Lourdes Scottini Heiden fez o lançamento do livro "O Avental da Professora" neste dia e doou muitos livros para a nossa biblioteca.
Aniversário do blog - mesa para o lançamento do livro de Mª de Lurdes S. Heiden - O AVENTAL DA PROFESSORA

Mª de Lurdes S. Heiden - escritora, Anderson Silva (Repórter do JSC - Blumenau - SC)
e Hugo A. Quintana - ilustrador.






Aniversário do blog - Mesa decorada por Fátima, Andréa e Yara.

Aniversário do blog - decoração por Fátima e Yara.

Aniversário do blog - Jornal de Santa catarina

Aniversário do blog - decoração por Fátima e Yara.

Aniversário do blog - Manual de dicas - Educação Ambiental - Cristiane - Geografia

Aniversário do blog - Manual de dicas sobre cuidados com a natureza e atividades para o projeto Santa na Escola - 5° e 6º Anos.

Aniversário do blog - EDUCAR - CERTIFICADOS de premiação por participação em atividades.

Aniversário do blog - EDUCAR MARIA DE LURDES

Aniversário do blog - EDUCAR - LIVROS DE LITERATURA

Aniversário do blog - EDUCAR - JANELA DA BIBLIOTECA

Aniversário do blog - EDUCAR - LIVROS - poesias

Aniversário do blog - EDUCAR - Ione Carvalho

Aniversário do blog - EDUCAR - Maria de Lurdes

Aniversário do blog - EDUCAR - fotógrafo Artur Moser e Anderson Silva/repórter, ambos profissionais do Jornal de Santa Catarina.
.......................................................
PAINEL SOBRE ADOLESCÊNCIA E ATITUDES INDIVIDUAIS OU COLETIVAS E AS CONSEQUÊNCIAS DE ATOS IMPENSADOS.

Elaborado por alunos da nossa escola, aborda temas como amor, sexualidade, vícios e através da expressão artística retrata a criatividade e o conhecimento dos benefícios ou malefícios de cada atitude.

o professorr Marcelo coordenou as atividades e a profª Fátima e alunos fizeram as fotos. Foi muito importante para todos nós.

Cesta de livros para os alunos menores da nossa escola, em fase de alfabetização.Eles adoram baús, cestas, e tudo o que causa descoberta.

Atividades realizadas pelos alunos do 5º e 6º Anos. Manual de dicas ambientais ematéria para o projeto SANTA NA ESCOLA.













DICA DE SITE DA SEMANA!http://www.portacurtas.com.br/curtanaescola/pop_160.asp?cod=4992&Exib=5513


http://www.poetaslivres.com.br/

30 de maio de 2011

Convite - Sarau Literário - Semana dos Namorados

Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller divulga programação da VII Semana dos Namorados, que acontecerá de 6 a 10 de junho de 2011.

A SEMANA DOS NAMORADOS

Em comemoração ao dia dos namorados, em 2005 a Biblioteca Municipal idealizou uma Semana Literária  com um toque romântico, afinal de contas aconteceria anualmente e teria como nome: Semana dos Namorados.

A ideia era (e é) reunir os amantes da leitura, da literatura, do livro e da biblioteca em atividades que pudessem tornar a Biblioteca Municipal um espaço vivo, ativo e frequentado pela população.

Além daquele toque feliz de quem está amando, o evento teria que buscar uma cultura para homenagear, valorizar, estudar e divulgar. Desde então a Semana dos Namorados escolhe uma cultura, que já foi Grega (2005), Árabe (2006), Latino-Americana (2007), Alemã (2008), Italiana (2009), Nordestina (2010) e realiza exposição, palestra, momentos de prosa com escritores, declamação de poemas, distribuição de receitas,  além disso, a dança, o som, o cheiro e o sabor da cultura são experimentados.

Em 2011, a sétima edição da Semana dos Namorados buscará na riqueza da Cultura Africana os motivos para suas atividades que seguem abaixo e já estão disponíveis para agendamento (gratuito).

06/06 (segunda-feira)

9h– Proseando com o escritor:  Literatura Africana com Viegas Fernandes da Costa (Biblioteca da FURB)

15h – Proseando sobre música afro-brasileira e africana com Carlos José Silva "Tigre" (do Grupo Muzenza da FURB)

07/06 (terça-feira)

9h – Proseando com o escritor: Gêneros Literários com Gervásio Luz (professor, escritor e jornalista)

15h– Proseando sobre Samba e identidade Brasileira com Carlos Silva (do Batuque na Cozinha na Rádio FURB ; do Programa Cidadania da TV FURB ; e integrante do Grupo Confraria do Samba)

08/06  (quarta-feira)

9h– Proseando com o Escritor: Diálogos Brasil-África com José Endoença Martins (professor da FURB)

15h – Proseando sobre Religião Africana com Pepe Sedrez (da Cia Carona de Teatro)

09/06 (quinta-feira)

19h Sarau Literário (público convidado: comunidade em geral)

Banda Municipal de Blumenau - Músicas coreografadas
Ia ia Massemba – Gilmara Mendes e Cleber Fabiano
Dança de Oxum (Orixá do Amor) – Grupo Capivara de Dança Rítmica
Há sempre um nome de mulher - FATUM Contadores de Histórias
Confraria do Samba
Declamação de Poemas
Noite de Autógrafos
Instalação Multimídia OpiopticA

10/06  (sexta-feira)

15h– Proseando com o historiador: Moçambique e a África contemporânea com Ricardo Machado (professor da FURB)

TODOS OS DIAS (de 6 a 30 de junho)
Visitas à Exposição da Cultura Africana
Distribuição de Preservativos Poéticos do escritor JC Ramos e Materiais Informativos do (GAPA/SC)
Cesta de Poemas
Distribuição de Receitas da Culinária Africana

Local:
Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller
Alameda Duque de Caxias, 64 – Centro (popular Rua das Palmeiras)
Participações com agendamento prévio pelo telefone 3326-6787 - Vagas Limitadas





28 de maio de 2011

PROGRAMAÇÃO SEMANA LITERÁRIA/ARTÍSTICA


 
  
 PROGRAMAÇÃO SEMANA LITERÁRIA/ARTÍSTICA
http://www.clicrbs.com.br/jsc/sc/impressa/4,186,3327698,17204
No dia 27 de maio  comemoramos com os alunos os dois anos de atividade na biblioteca , registrados em  blog nesta escola. As atividades aconteceram durante uma semana na biblioteca e no pátio da escola. (27/05  a 03/06) 
 
Atividades
1- Painel com poemas sobre adolescência.(2ª feira)
2- Literatura Infantil (encenação/leitura no pátio através de livros e jornal, pelos alunos do 4º e  5º anos)(4ª feira)
3- Painel artístico com pintura feita pelos alunos - Tema: Qualidade de VidaL/ Sexualidade (6ª feira)
4- Circuito literário do pré à 8ª série. (4ª feira)
5- Atividades na biblioteca durante o recreio com jogos, quebra cabeças, contação de histórias, leitura, música e dança. (2ª, 3ª, 5ª e 6ª feira)
6- Exposição do manual de dicas sobre cuidados com a natureza (6ª feira)
7- Apresentação da " MALA DE HANNA" que é uma mala de viagem decorada com motivos iguais aos que constam no livrode mesmo título e  que está sendo lido em capítulos em sala. (2ª feira é feita a leitura  e  nos demais dias, a mala  será exposta com um diário onde os alunos escrevem relatos sobre o livro ou sobre os objetos que podem constar na mala (réplica ) em Tóquio, no museu.
8- Leitura na tela (capítulos de livros recebidos  na caixa de mensagens, enviados pelo site leituradiaria.com.  (todos os dias na hora do recreio na biblioteca)
9- Apresentação da música "TODA CRIANÇA QUER" de Cristina Mel e "A paz" de Roupa Nova, pelos alunos do 5º ano durante o recreio, três vezes na semana. (A letra está exposta na parede da escola em local  onde os alunos  podem ler e acompanhar. Tudo isso acontece além das atividades normais da biblioteca.
 
CONVITE

Data : 27/05/2011
Horário: - Período Matutino: 10:00 h   Período Vespertino: 16:00 h
 Abertura: Diretora Marita Lopes: (5 min)
Coordenadora: Ingelore T. Pacheco
 Apresentação: Professora Fátima 5 min
Apresentação:  "Toda criança quer" 5º ano música  (10 min)
 Homenageados do dia:  Repórter do Jornal de Santa Catarina – Anderson
 da Silva
Fotógrafo do Jornal de Santa Catarina: Artur Moser
Coordenadora de Língua Portuguesa -  Ione Carvalho de Carvalho Almeida
Coordenadora  de  Inglês/Santa na Escola -  Kelly Scharf
Coordenadora de Língua Alemã  - Patricia
Professora: Maria de Lourdes (Talento do professor)
Professora: Fátima Baumgärtner (Responsável Blog/Biblioteca)
Nilcimara (Postagens mais visitadas - Ciências Vegatação dos países da Copa do Mundo)
Cynara (Postagens mais visitadas - Aquecimento Global)
Alunos que se destacaram em jogos, concurso de redação, Santa na escola e feira de livros.
Local: Biblioteca Princesa Isabel – (20 min)
Escritora/professora - Maria de Lurdes  - 15 m
Encerramento: Fátima 5 min
 

 

25 de maio de 2011

Sarau no Carlos Gomes



VAMOS PARTICIPAR, DIVULGAR, AGENDAR!!!!
Música:
Silvestre Kuhlmann
Suelen Mondini e Jurian Sutter

Literatura:
Márcio Ribeiro
Fátima Venutti

Artes plásticas:
Mabeck Espaço de Arte

Fotografia:
Glaucia Maindra

Estante literária:

Claudia Vetter - O Retrato da Nudez Eólica
Fátima Baumgärtner - Cais - Verso e Prosa
Fátima Venutti - Tempestade
Gregory Haertel - Quarteto de Cordas para Enforcamento
Puchyua - A Vaca Minuciosa
Rodrigo Oliveira - Selenita


Participações: falar com Tuco
tucoegg@gmail.com
www.saraufacamolada.blogspot.com
twitter.com/SarauFacamolada


3 de junho | Sexta-feira | 19h30

Ninguém Mais Fala do Amor
Silvestre Kuhlmann

Estou cansado de ouvir frases feitas,
Palavras soltas, duplos sentidos;
De ver que as coisas não tomam jeito,
Essas frases de efeito não têm nada a ver comigo.

Eu sei que alguém mentiu pra mim,
Um outro não disse a verdade;
Queria ver poesia escrita
Num muro qualquer dessa cidade.

Os pais falam aos filhos
E aos estudantes o professor;
Um rádio ligado, um comício na praça,
Um cantar do cantador;

Os sons, a lábia e a missa,
Palavras belas têm seu valor,
Mas perdem graça à premissa:
Ninguém mais fala do amor.

23 de maio de 2011

REVISTA ZAP - ONLINE

Agradeço muito pelas visitas. Estou aguardando a mensagem do visitante n° 30000. Por favor, enviem logo, pois quero enviar os brindes pelo correio. Obrigada! Fátima

Festival musical no Metrô de São Paulo

Postado por Elizabeth Misciasci



Projeto Encontros e gravadora YB reúnem músicos em
show gratuito às sextas-feiras

A Cinemagia, gestora do projeto Encontros, e a gravadora ybmusic promovem pelo segundo mês consecutivo um festival musical na Estação Paraíso do Metrô. Sempre às sextas-feiras, o objetivo do festival é transformar a hora do rush num momento de diversão e cultura. "Escolhemos a última sexta-feira do mês, para que o público possa encerrar a semana e também o mês com chave de ouro", explica Vera Barbosa, diretora artística do projeto Encontros. "Antes de voltar para casa, as pessoas têm 3 horas de música da melhor qualidade, ali, na estação do Metrô", acrescenta ela.

No dia 27 de maio, a partir das 18h, o palco do Encontros vai receber Roger W.Lima, seguido por Bruno Batista, às 19h. Saulo Duarte e A Unidade encerram a noite em grande estilo, a partir das 20h. Tanto Saulo quanto Bruno estão lançando seus novos CDs e apresentarão músicas inéditas.

No mês de estréia, em abril, o festival teve a participação de Roger Lima, Bruno Morais, Flu, Lulina, Blubell, Silvia Tape e Dudu Tsuda com participação especial de Juliana R. Mais de mil pessoas estiveram presentes nas duas primeiras edições, dias 1º e 15 daquele mês. "É uma oportunidade de mostrar o meu trabalho para um público que não conhece minha música", explica Bruno Morais.

Paraíso cultural

Os shows acontecem na estação Paraíso, ao lado da plataforma de embarque para o Tucuruvi, num espaço especialmente criado para atividades culturais. Estas e todas as apresentações do projeto Encontros são gratuitas. "O projeto ocupa de forma criativa um espaço de circulação como o Metrô", elogia Dudu Tsuda, um dos músicos que se apresentaram.

Sobre o projeto Encontros

Numa iniciativa inédita no mundo, o projeto Encontros transforma as estações do Metrô de São Paulo em espaços culturais, com atrações gratuitas. A primeira estação inaugurada foi a Paraíso, em outubro de 2010, após a Cinemagia vencer a licitação para gerir o projeto por 10 anos. Ao todo, 18 estações serão contempladas, levando cultura para todas as regiões da cidade de São Paulo. Shows musicais, cinema, espetáculos de dança, teatro, exposições permanentes e itinerantes, oficinas culturais e muitas outras atividades fazem parte da programação, acessível a cerca de 4 milhões de pessoas que circulam diariamente pelo Metrô..

Sobre a Cinemagia

A Cinemagia cria espaços especiais para sessões de cinema em praças públicas, ginásios, praias, clubes, escolas ou estacionamentos. Fundada em 2002, empresa é líder no setor de cinema itinerante. Mensalmente, a Cinemagia promove, em média, 600 sessões gratuitas de cinema. Em São Paulo, por exemplo, 46 Centros Educacionais Unificados (CEUs) fazem uso do serviço, beneficiando os estudantes da rede municipal de ensino, suas famílias e a comunidade local. As sessões de cinema promovidas pela Cinemagia são gratuitas ao público e podem chegar a 3 mil pessoas por sessão. Os recursos são captados junto a patrocinadores e instituições públicas.

Sobre a ybmusic

A gravadora nasceu como resultado da circulação de músicos pela produtora ybmusic. Desde 1999, o selo lança música nova no cenário brasileiro, gravando o primeiro disco da Nação Zumbi sem o vocalista Chico Science, o primeiro disco de Otto depois da sair do Mundo Livre S/A, Trio Mocotó e inéditos como Instituto e Anvil FX, além de nomes como Tulipa Ruiz, Lucas Santtana, Curumin, Romulo Fróes, Che, dentre outros. A yb produziu ainda alguns dos mais originais trabalhos de música erudita feitos no Brasil, como o songbook de canções de Arrigo Barnabé, Duo Quanta e a obra de Ernesto Nazareth.

SERVIÇO:

Encontros Musicais com YB
27 de Maio de 2011, das 18h às 21h
18h - Roger W. Lima
19h - Bruno Batista
20h - Saulo Duarte e A Unidade
Estação Paraíso do Metrô (Rua Vergueiro, 1465) - plataforma de embarque Tucuruvi
Entrada GRATUITA

Nacional FM lança terceira edição do festival de música

Estão abertas as inscrições para a terceira edição do Festival de Música Nacional FM, emissora da Rede Pública de Rádio da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

A iniciativa tem como objetivo abrir espaço para artistas de Brasília na programação da emissora e na cena cultural brasileira. Na primeira etapa, 30 músicas serão selecionadas e executadas na Rádio Nacional.

Na segunda, serão doze músicas finalistas, também executadas na Rádio e disponíveis para a votação do público.

As melhores músicas vocal e instrumental representarão a cidade no Festival Nacional de Música da ARPUB - Associação das Rádios Públicas do Brasil. As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho no site www.radioagencianacional.ebc.com.br/festivalfm.

Em 2010, os vencedores do Festival de Música Nacional FM foram Túlio Borges com a Melhor Música Vocal, Ted Falcon com a Melhor Música Instrumental, Cely Curado como a Melhor Intérprete, Léo Campos com a Música Mais Votada na Internet e Carlinhos Veiga com a Torcida Mais Animada no dia do show da final.
Sintonize: Rádio Nacional FM - 96,1 MHz

Prêmio da Música Brasileira abre inscrições para o concurso Vale Cantar Noel!

Vencedor será anunciado na cerimônia, dia 06 de julho, no Theatro Municipal carioca e receberá um troféu e R$ 9.837,80, em títulos de capitalização ou certificado de ouro quitado

Após o sucesso da primeira edição, no ano passado, o Prêmio da Música Brasileira 2011 dá nova chance aos talentos espalhados pelo Brasil, através do concurso Vale Cantar Noel!, dedicado ao 'Poeta da Vila', grande homenageado da 22ª edição. José Maurício Machline, idealizador do Prêmio, mais uma vez está coordenando o concurso e as inscrições podem ser feitas através do site oficial www.premiodamusica.com.br até o dia 15 de junho. Os interessados podem enviar um vídeo onde interpretam um sucesso de Noel Rosa, com arranjo e formação musical a critério dos candidatos. Serão escolhidos três finalistas e o vencedor será conhecido apenas na cerimônia, que acontece no dia 06 de julho, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.
Pelo segundo ano consecutivo, a Vale é a patrocinadora oficial do Prêmio da Música Brasileira, que novamente contemplará duas categorias neste concurso: uma voltada para o público geral e uma outra exclusiva para os empregados da Vale. O grande vencedor de cada categoria receberá um prêmio especial no valor de R$ 9.837,80, em títulos de capitalização ou certificado de ouro quitado, e um troféu na noite da celebração, ao lado dos grandes nomes da música brasileira.
A primeira edição do concurso Vale Cantar foi dedicada a Dona Ivone Lara, homenageada do Prêmio da Música Brasileira 2010. Os vencedores foram o paulista Tony Daniel Mansor Taboas (na categoria Público em geral) e Clayton Nilo da Silva, de Carajás (na categoria Empregados da Vale)

Regulamento do concurso:

1. Até o dia 15 de junho os participantes enviam seus vídeos postados no youtube através do formulário de inscrição do site e os trabalhos serão avaliados pelos organizadores. A interpretação deverá, obrigatoriamente, ser em português (em grupo ou em solo), podendo ser utilizado instrumentos musicais diversos ou apenas um instrumento musical.. É vedada a interpretação musical sem qualquer acompanhamento instrumental (não podendo ser unicamente vocal). A duração mínima do vídeo produzido deverá ser de 1' (um minuto) e no máximo 3'30'' (três minutos e 30 segundos).

2. No dia 20 de junho serão divulgados no site os 20 vídeos pré-selecionados (10 da categoria PÚBLICO GERAL e outros 10 da categoria EMPREGADOS DA VALE)

3. De 20 a 30 de junho, o público e mais dois jurados do Prêmio da Música Brasileira votam nos melhores vídeos no blog.

4. No dia 02 de julho serão anunciados os três vídeos de cada categoria – PÚBLICO GERAL e EMPREGADOS DA VALE – mais votados pelo público e pelos jurados, cujos autores irão ao Rio de Janeiro no dia 06 de julho participar da cerimônia de premiação.

5. Os dois grandes vencedores serão anunciados somente no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, durante a cerimônia do Prêmio da Música Brasileira.

6. Caso o participante selecionado não resida na cidade onde será realizada o Prêmio da Música Brasileira, os organizadores se responsabilizarão pela alimentação, hospedagem e transporte do candidato selecionado, bem como pelo transporte de retorno à sua cidade de origem ao final de sua participação, no território nacional.

Quem pode participar:

Qualquer pessoa que aprecie a obra de Noel Rosa
Músicos que não sejam reconhecidos na mídia
Músicos que não tenham discos gravados de forma independente ou lançados por gravadoras
Empregados da Vale, que devem obrigatoriamente informar seu cargo no formulário de inscrição para concorrerem somente em sua categoria exclusiva

Mega Artesanal promove pela terceira vez concurso de arte sustentável

A Itália e seus encantos- é o tema desta edição do Concurso de Arte Consciente. O que era aparentemente lixo pode começar a ser repensado por artesãos e transformado em uma peça premiada.

Maio de 2011 – "A Itália e seus encantos" em material reciclável é o mote do 3º Concurso de Arte Consciente, promovido pela WR São Paulo durante a Mega Artesanal, que acontece de 28 de junho (dia do lojista) a 3 de julho, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. Todo cidadão preocupado com as questões ambientais pode soltar a imaginação e criar peças com material reciclável ou reutilizado e participar do concurso. Embalagens, objetos antigos ou elementos encontrados na natureza podem ser resignificados em peças criativas. Vale caixa de creme dental, garrafas pet, vidros de conserva, lâmpadas queimadas, revistas antigas, folhas, pedras e sementes, tudo combinado em um objeto de arte. A exigência é que os trabalhos sejam confeccionados manualmente e meçam no máximo 35 cm de largura por 50 cm de altura.

A
inscrição é gratuita e os trabalhos devem ser enviados até o dia 7 de junho para a sede da WR São Paulo (Rua Amélia Corrêa Fontes Guimarães, 556, Morumbi. CEP: 05617-010, São Paulo, SP). O regulamento completo está no endereço: http://www.megaartesanal.com.br/regulamento_wr_consciente_2011.pdf.

A escolha dos vencedores é feita por uma comissão composta por 5 jurados, nomeados pela própria WR e irá considerar a originalidade, a compatibilidade com o tema, a criatividade, o impacto inicial, o grau de dificuldade, a inovação, o design e o acabamento. A premiação será no dia 2 de julho, às 18h, no estande da WR Consciente na Mega Artesanal. Os três primeiros colocados receberão ferramentas da Dremel e kits Mega Artesanal com diversos itens para artesanato.

- "O artesanato frente aos sistemas produtivos industrializados é uma forma de desenvolver a sustentabilidade e manter a identidade num mundo padronizado e globalizado", diz Rita Mazzotti, diretora da WR São Paulo, ao explicar o objetivo do Prêmio. - "Precisamos, portanto, estimular e valorizar o artesão, ao mesmo tempo em que despertamos a consciência ambiental", afirma Rita.

Mais informações sobre o 3º Concurso de Arte Consciente podem ser obtidas na WR São Paulo pelo telefone (11) 3722 3344 ou pelo email: priscila.ramos@wrsaopaulo.com.br.

Serviço:

Mega Artesanal 2011
Data: 28 de junho (dia do lojista)
De 29 de junho a 03 de julho (aberto ao público em geral)
Local: Centro de Exposições Imigrantes - São Paulo / SP
Endereço: Rod. dos Imigrantes, Km. 1,5
Horário: 28 de junho, das 11h às 19h
29 de junho a 2 de julho, das 11h às 19h; dia 3 de julho, das 11h às 17h
Ingresso: R$ 10,00
Proibida a entrada de menores de 12 anos
Organização: WR São Paulo Feiras e Congressos
Patrocínio: Acrilex, Casa da Arte, Condor, Editora On line, Gato Preto e Progresso
Mais informações: www.megaartesanal.com.br

Sobre a WR São Paulo - especializada na promoção e organização de feiras e congressos, nacionais e internacionais, fundada e sediada há mais de dezoito anos na cidade de São Paulo. Entre os diversos eventos que promove estão as feiras Mega Artesanal, Brazil Patchwork Show, Brasil Certificado, Feira de Máquinas e Produtos do Setor Madeireiro, Brazil Scrapbooking Show e vários congressos internacionais do setor de base florestal. Os projetos mais recentes da empresa são a WR Consciente, a Associação Latino Americana para o Fomento do Artesanato e a Escola Livre de Artes e Ofícios. www.wrsaopaulo.com.br

Confira o resultado do desafio de mobilidade urbana, promovido pela SOS Mata Atlântica, em São Paulo

Para promover um debate sobre as dificuldades da mobilidade em grandes centros urbanos, a Fundação SOS Mata Atlântica promoveu na manhã de 20/5/2011, o desafio "Quem chega primeiro".

Quatro participantes, em diferentes meios de transporte, partiram do mesmo ponto de chegada, no Shopping Metro Tatuapé (zona leste), em direção ao Viva a Mata 2011, que acontece de 20 a 22 de maio, no Parque Ibirapuera (zona sul).

O
vencedor do desafio foi o motociclista Eduardo Félix, que completou o trajeto, de cerca de 15km, em 35 minutos.

Em segundo lugar ficou o ciclista Lemuel Santos, com 46 minutos. A pedestre Adriana Kfouri, que fez o trajeto de metrô e ônibus, completou a prova em 1 hora e 13 minutos.

Em último lugar ficou a motorista Romilda Roncatti, com 1 hora e 26 minutos.


Resultado:

Partida: 8h30, em frente ao Shopping Metro Tatuapé, zona leste de São Paulo, onde está a exposição interativa Sua Mata, Sua Casa – Esquina da Rua Irapé x Rua Cruz Alta.

Chegada: Estande da SOS Mata Atlântica no Viva a Mata 2011 – mostra de iniciativas e projetos em prol da Mata Atlântica – no Parque Ibirapuera, zona sul da cidade.

1º lugar: O Motociclista – Eduardo Félix, voluntário da Fundação SOS Mata Atlântica.
Tempo: 35 minutos

2º lugar: O Ciclista – Lemuel Santos, bike repórter e educador socioambiental da Fundação.
Tempo: 46 minutos

3º lugar: A Pedestre (metro e ônibus) – Adriana Kfouri, voluntária da Fundação.
Tempo: 1 hora e 13 minutos

Último lugar: A Motorista (carro) – Romilda Roncatti, coordenadora da exposição Sua Mata, Sua Casa.
Tempo: 1 hora e 26 minutos


Viva a Mata 2011

A sétima edição do Viva a Mata – mostra de iniciativas e projetos em prol da Mata Atlântica – que acontece entre os dias 20 e 22 de maio, no Parque Ibirapuera, em São Paulo, comemora uma data especial: o 25º aniversário da Fundação SOS Mata Atlântica, organizadora do evento. Para isto, a programação está repleta de atividades que buscam conscientizar a sociedade sobre a importância da conservação do nosso ambiente e que apresentam um pouco da história da ONG. Com diversas atrações gratuitas, a exposição comemora também o Dia Nacional da Mata Atlântica (27 de maio). A iniciativa tem patrocínio do Bradesco e da Natura, e acontece na Arena de Eventos (ao lado do Museu Afro Brasil).

ONGs e instituições, que atuam nas mais variadas regiões do país, com programas pela conservação da Mata Atlântica, participarão do evento. Com mais de 100 projetos, a programação inclui peças de teatro, oficina de plantio com distribuição de mudas, palestras, debates, jogos educativos e muito mais.

Comentários (0)

Ver Comentarios deste Post  Comentar este Post  Enviar para  Amigos  Imprimir este Post

Livraria Cultura Realiza 1ª edição do Live Painting em sua loja de Artes

A arte urbana invade a vitrine da Livraria Cultura do Conjunto Nacional

A loja de Artes da Livraria Cultura no Conjunto Nacional – já consolidada como uma verdadeira galeria de arte – onde realiza, "entre livros", exposições de artistas de diferentes estilos – inaugura a partir de 28 de maio a 1ª edição do Live Painting Livraria Cultura. A pintura ao vivo, como é conhecida, é a expressão da improvisação performática de seus participantes e costuma acontecer em locais públicos. O movimento, que vem ganhando força desde a década de 90, conta com a participação de artistas de vários gêneros, fortemente marcado pela arte de rua e grafiteiros. O projeto tem curadoria de José Carlos Honório – artista plástico, escritor e responsável pelo acervo de livros de artes da Livraria Cultura. A programação conta com grandes artistas convidados como Rafael Lucena, João Pirolla, Rafael Calixto, Camila Morita, Alexandre Soma, Anna Anjos e Xavier Lima.

A ação tem como objetivo apresentar ao público obras diferenciadas, suas formas de criação e técnicas. As intervenções acontecerão sempre a partir das 9 horas da manhã no último sábado de cada mês. As performances poderão ser acompanhadas ao vivo pelo público, e o resultado de cada obra ficará exposto por 21 dias na vitrine da loja de Artes, em frente ao Cine Cultura.

Para mais informações, acesse www.culturanews.com.br ou entre em contato com a assessoria de imprensa da Livraria Cultura.

Programação
Rafael Lucena
Sábado, 28 de maio às 9h

Essa pintura será realizada a partir de um tema atual do portfólio do artista. Ao trabalhar com materiais utilizados em murais grafitados nas ruas das cidades, com o acréscimo de colagens de trabalhos feitos em papel, Lucena criará uma exposição de arte integrada com intervenção urbana. Uma pequena tela de 50X70, instalada no meio da vitrine, será guardada como um registro da intervenção.
João Pirolla
Sábado, 25 de junho às 9h

O artista desenvolverá o tema em torno de elementos urbanos e noturnos. Trapos de gala de um cotidiano boêmio, em calçadas banhadas por luminosos de bares, com crianças transfiguradas por paixões efêmeras e maquiagem barata, que esperam por uma carona do estranho mais gentil que acenar. De becos em becos, por um trago a mais e uma noite a menos.

Rafael Calixto
Sábado, 30 de julho às 9h

Em sua vitrine, o artista desenhará 3 personagens interagindo com elementos que estão dentro da loja. O trabalho será desenvolvido apenas com latéx e caneta posca.

Camila Morita
Sábado, 27 de agosto às 9h

A artista desenvolverá sua intervenção com base nas criações de suas telas, utilizando-se de uma personagem principal interagindo com um cenário bucólico (flores e árvores recortadas em vinil preto) e algumas imagens abstratas coloridas (caneta posca). Farão parte deste cenário alguns animais marinhos, como peixes e anêmonas.

Alexandre Soma
Sábado, 24 de setembro às 9h

Futurista, fã de ficção científica e inspirado no livro "Neuromancer", na animação "Aeon Flux" e em pintores como Miró e Malevich, Alexandre Soma mistura sua sede pela tecnologia quântico-orgânica com traços do imaginário indígena brasileiro para criar seu sumo. "A Soma" apresenta sua miscigenação artística com técnicas urbanas como o stencil e experimentais como a utilização de objetos reaproveitados do cotidiano.

Anna Anjos
Sábado, 29 de outubro às 9h

A arte-ilustradora Anna Anjos recria seu universo lúdico, criativo e hipercolorido nas vitrines da Livraria Cultura, tendo como principal inspiração seu projeto pessoal Afrotropicalismo, que mescla elementos das culturas africana e do movimento Tropicalista das décadas de 1960/70.
A cultura nordestina é uma referência recorrente nos trabalhos da artista.

Xavier Lima
Sábado, 17 de dezembro às 9h

A ideia do artista é dar início ao assunto de sua exposição Vestígios, agendada para 2014. Inspirado na pareidolia, onde um estímulo visual remete a algo inequívoco para o observador, conterá desenhos e pinturas sobre manchas. Teremos assim imagens prospectadas no que já sugere a tinta instintivamente colocada na vitrine da Livraria Cultura.



*Elizabeth Misciasci - Jornalista, Humanista, Escritora, Pesquisadora. Presidente do Projeto zaP!
.Embaixadora Universal da Paz no âmbito do Círculo Universal dos Embaixadores da Paz! (Cercle Universel Des Ambassadeurs De La Paix - Suisse/France)

.Membro Correspondente da Governadoria da INBRASCI no Estado de São Paulo- Instituto Brasileiro Culturas Internacionais -

.Membro Efetivo AVSPE.
·Prêmio Frente Nacional dos Direitos da Criança em 2010

.Honra ao mérito - Clube Brasileiro da Língua Portuguesa - título Humanista Honoris Causa, em Língua Portuguesa, em razão da excelência de sua obra a favor dos Direitos Humanos.

.Delegada para e Estado de São Paulo (Brasil) do CEN- Intercâmbio Brasil Portugal.

.Coordenadora de imprensa do Proyecto Cultural Sur Paulista

.Indicada ao "Prêmio Clara Mil Mulheres" Nobel da Paz

.Certificação de Empreendedor Social pelo Apoio na Campanha Páscoa Solidária 2010

na Categoria Parceiros e Personalidades pela Cia. Loucos do Tarô e o CICESP – Centro de Integração Cultural e Empresarial de São Paulo, realizado em parceria com a Fundação Cafu, Fundação Edmilson, Casa da Sopa de Limeira e Associação Amigos do Amor Maior, em 2010.
.Empreendedora Social pelo Apoio na Campanha Páscoa Solidária 2011.

.ALB Cadeira vitalícia 02, Academia de Letras do Brasil Estado de São Paulo.

.Doutora em Filosofia Univérsica - Ph.I. Filósofo Imortal 'Honoris Causa', por indicação do Presidente da respectiva Academia Professor e Dr. Mario Carabajal.
http://www.eunanet.net/beth/index.php
http://reticencias.blog-se.com.br/blog
http://www..avspe.eti.br/avspe2009/ElizabethMisciasci.htm
http://www.revistazap.org


Da Redação Revista zaP!®
imprensa@revistazap.org
**
Edição de conteúdo, Diagramação, e Publicação:
Por:
Elizabeth Misciasci
zaP!® News
Revista zaP
Boletins, Informativos, Eventos,
Ações do Projeto zaP
Publicados pelos Veículos
zaP!® de Comunicações.
Departamento de Comunicação (Jornalismo

VOCÊ PODE SER O VISITANTE Nº 30.000

QUERIDOS AMIGOS e/amigos dos meus amigos internautas de plantão!

Estamos quase chegando aos 30.000 visitantes. Faltam apenas alguns cliques para isso acontecer. Não esqueça de dar um print screen e salvar a imagem se você for o visitante de nº 30.000.Depois é só enviar para biblioteca.princesaisabel@yahoo.com.br com seu endereço completo para receber este livro aí abaixo.

Encontra-se no seguinte site: http://www.sinopsedolivro.com/2009/11/cais-verso-e-prosa.html É de minha autoria. Gerei esta campanha devido ao fato que no dia 29 de maio, o blog completa 2 anos de existência. O visitante que atingir este nº, deve enviar a imagem em tempo real para mim, marcando o horário que acessou.O mesmo receberá pelo correio, um livro e um certificado de participação,além da divulgação no blog. Vai valer apenas o primeiro registro recebido.
Boa sorte!
Resumo do Livro CAIS VERSO E PROSA
Livro em verso e Prosa selecionado e editado através do Fundo Municipal de Apoio à Cultura de Blumenau. Em CAIS VERSO E PROSA, a autora explora uma temática diversificada através de uma linguagem simples e agradável, exteriorizando seus pensamentos e suas sensibilidade estética.


Autora: Maria de Fátima Martins Baumgärtner
Gênero: Poesia/Prosa
Coleção: Literatura Brasileira
Páginas: 115
Formato: 15X21
Editora: Odorizzi
Ano de Lançamento: 2009/2010

Depois é só ir votando até outubro, quando teremos o resultado.Enviem e divulguem esta mensagem pelo mundo afora! Quanto mais votos , melhor! Contamos com vocês, para clicar no selo azul que fica do lado direito da tela , votar e validar seu voto ao abrir sua caixa de mensagens. Por favor, colabore conosco, pois já ficamos TOP 100 duas vezes, e queremos outra vez. Querem saber porque é importante para nós aqui da escola?

Não é pelo voto apenas. Quer dizer que cada pessoa que acessa o blog, visualiza nossas atividades, com isso nossos alunos melhoram a auto estima e sentem-se valorizados. Nosso objetivo é trocar relatos e cada pessoa que visita, pode contribuir com comentários e sugestões. Muitas pessoas do mundo todo utilizam nossos conteúdos tais como artigos, notícias, vídeos, aulas, ideias, pesquisas e tudo mais. Com muita dedicação e humildade, amamos tudo o que fazemos. para mostrar para vocês. Obrigada por tudo isso!

Desejamos felicidades para todos!

Obrigada!

Professora Fátima (demais profissionais aqui da escola) e alunos!
Blumenau, SC

Estamos muito felizes pois um aluno de nossa escola teve uma atividade finalista em concurso.
Data: No sábado, 21 de maio de 2011.
Motivo: Premiação do II Concurso Fazendo História.
Organização:Associação Beneficente Vale do Itajaí.
Objetivo: fomentar o pensamento crítico e desenvolver a habilidade de escrita e oratória em estudantes da 8ª série das escolas da rede municipal de Blumenau.
Local: A cerimônia foi no bloco J da Furb.
Horário: 16h.
Tema da redação: “De onde vem a corrupção”.
Volume de textos: 60 no total.
Quem avaliou: uma comissão julgadora formada por docentes contratados.

Fonte: Nova Blumenau
Conheça os estudantes classificados:

Tainara Mello, da EBM Conselheiro Mafra, na Velha;
Diego Alan Nedel, da EBM Professor Fernando Ostermann, no Boa Vista;
Gabriela Izabel Westphak, da EBM Professor Friedrich Karl Kemmelmeier, na Itoupava Central;
Bianca G. Schilter, da EBM Professor Oscar Unbehaun, na Água Verde;
Rafaela Graciani, da EBM Pedro II, no Progresso;
Maria Gabriela de Souza, da EBM Paulina Wagner, no Badenfurt;
Samuel Müller Teles, da EBM Professora Adelaide Starke, na Itoupava Norte;
Ana Paula Dahllce, da EBM Paulina Wagner, no Badenfurt;
Georg Victor Alves da Silveira Rausch, da EBM Pastor Faulhaber, no Ribeirão Fresco

Marcela Dalpiaz, da EBM Professor Oscar Unbehaun, na Água Verde.

Parabéns pela matéria, aos organizadores do concurso, aos professores e familiares e alunos!
Sinto-me feliz por fazer parte da categoria "Educação" do nosso país. Sei que encontramos muitas dificuldades, que não somos perfeitos, portanto erramos às vezes. Porém, se temos apoio e alguém que nos dê suporte, desfazemos mal entendidos e superamos nossas falhas.Sinto-me ainda mais feliz, por saber que contribuímos de certa forma para a melhoria da aprendizagem e especialmente da leitura e escrita de nossos alunos, em especial ao Georg Victor Alves da Silveira Rausch, da EBM Pastor Faulhaber, no Ribeirão Fresco.É um excelente aluno e nos deixa feliz por isso. Aprendemos pelos exemplos e nas tentativas de acerto.Parabéns aos alunos que participam das atividades na escola. Eu sempre incentivo, pois com a idade deles, nunca deixei de participar. E continuo assim. Atuo na biblioteca da Pastor Faulhaber e tenho participação efetiva no planejamento das aulas dos professores. Tudo o que os alunos produzem, tem o olhar amoroso e motivador dos profissionais desta querida escola, inclusive o meu. Esta escola é pequena no espaço físico, mas grande na criatividade e potencial. Adoro esta comunidade e sou muito feliz com todos aqui.
Votem no blog EDUCAR. Parabéns pela matéria, aos organizadores do concurso, aos professores e familiares e alunos!
Não ativamos link de sites onde se encontram matérias referentes ao assunto em pauta, devido ao possível acesso ao conteúdo inadequado ao ambiente escolar. Mas obrigada pela divulgação.
.......................................
Depoimento da professora Amanda Gurgel








13 de maio de 2011

VAMOS VOTAR NO BLOG EDUCAR





Toda Criança Quer
Palavra Cantada
Composição : Péricles Cavalcanti

Toda criança quer
Toda criança quer crescer
Toda criança quer ser um adulto

E todo adulto quer
E todo adulto quer crescer
Pra vencer e ter acesso ao mundo

E todo mundo quer
E todo mundo quer saber
De onde vem
Pra onde vai
Como é que entra
Como é que sai
Por que é que sobe
Por que é que cai
Pois todo mundo quer...


A Duda é uma destas crianças que muito quer e muito consegue!

Estes brinquedos, meus alunos criaram com sucatas algum tempo atrás. A atividade era referente ao projeto Comunicar é aprender. A Duda participou e até foi conhecer meus alunos em minha sala de aula em 2004.


Nossos alunos reciclam pets e fazem pufs!














Por uma educação com significados

Mª DE FÁTIMA M. BAUMGÄRTNER
(Especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional)
Ao longo da vida, podemos identificar talentos e valores que se encontram na sociedade, embora todos os indivíduos dependam de incentivo, para que ousem brilhar nos espaços que lhe são de direito. Bem sabemos que nas escolas há o privilégio de um espaço, onde brota no cotidiano a diversidade de saberes. Cabe aos órgãos competentes da sociedade manter o foco principal - educação - , que representa fator essencial para que a população realmente receba a mediação e o apoio de que tanto necessita.

Sabe-se que a escola representa um espaço onde o conhecimento é construído, assim como o ambiente familiar é muitas vezes responsabilizado pela educação dos membros que a formam. Porém, jamais devemos esquecer que nenhuma destas duas entidades sozinhas poderão dar conta de aprimorar conhecimentos ou mediar a educação dos indivíduos. É a união de ambas que permitirá o sucesso tanto no que diz respeito ao aprendizado, quanto à mudança comportamental dos mesmos.

Constata-se então que todos estamos envolvidos num mesmo processo de transição, o qual permite encaminhar as gerações futuras ao propósito de pensar e agir de forma que atenda ao bom convívio que norteia a sociedade. Devemos estar atentos às mudanças, aceitando as diferenças e percebendo-as como o referencial que sintetiza os valores de cada ser humano.

A sociedade deve valorizar os seus cidadãos, não apenas por aquilo que fazem, mas por aquilo que já não são capazes de realizar, por determinados motivos. Quando delegamos uma tarefa ao outro, sabendo que ele não tem conhecimento sobre o assunto, devemos monitorá-lo do início ao término de sua atividade, pois se ele errar terá o suporte de que necessita. Isto vale para todas as idades.

Sabemos que todo erro é uma tentativa de acerto e aquele que erra, demonstra que quer aprender. Porém, nem sempre o erro é visto desta forma. Muitas vezes, ele é considerado como incompetência, ou falta de interesse em demonstrar que se é capaz.

Indivíduos críticos, competentes e conscientes de seus direitos e deveres colaboram com aqueles que apresentam déficit na execução de suas tarefas, apontando o caminho e mostrando-se aptos ao companheirismo e com seu empreendedorismo e liderança.

Como já ouvimos e sabemos, não somos os mesmos durante o dia e nem seremos os mesmos a vida toda. Urge a necessidade de quebrar a resistência, livrar-se das amarras e reconstruir o saber. Cabe aos educadores (família, escola e sociedade) a função de facilitar este processo flexível, que só acontece quando se atribui um significado ao que se vê, se ouve ou se diz, em suma, se vive.


POR UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE


Mª DE FÁTIMA M. BAUMGÄRTNER

Todos os meios de comunicação estão mostrando a realidade da educação atual. Sabemos que nada muda de repente, mas se ficarmos esperando alguém fazer algo, é que nada mudará, ou seja, não basta mostrar a situação, há que haver comprometimento para estabelecer um foco de atuação e primar por ele. Não dá pra ficar brincando de educar, ou falamos a mesma linguagem e agimos da mesma forma, ou perderemos crédito em nossas funções, sejam elas quais forem. O educando precisa encontrar um tripé onde se apoiar, mantendo este suporte por toda a sua vida. Este tripé é formado pela referência no educador, a disciplina mediada e o vínculo afetivo estabelecido numa relação de confiança. Os três fatores são distintos entre si, mas se complementam, ou seja, um não existe na ausência do outro. O educando está sempre testando o professor, os pais, ou outra pessoa que o eduque.

O motivo é um só, a busca do sentido para suas ações futuras. É como se ele sempre perguntasse, se poderia ou não tomar certa atitude. Cujo ato para o adulto, acontece num determinado tempo de ação, e se denomina erro. O que o faz pensar assim, é o fato de ter vivido certas experiências. Não há receita para tudo. Por isso nem sempre dá certo o que se faz. Mas não se pode desanimar, cada situação pede uma atitude, pois todos somos diferentes.

Ao nos depararmos com situações indesejáveis, nem sempre somos prudentes ou pacientes como deveríamos ser. Somos impulsivos ao agir e por fim, incapazes de perdoar erros de percurso em nosso cotidiano, muitas vezes oriundos de fatores bem mais complexos do que uma questão de momento. Quando um problema se instala, muitas vezes a primeira atitude que temos é julgar e criticar, quando na verdade o que se deve fazer, é diagnosticar para descobrir o porquê de tal acontecimento. O educando em primeiro plano é ser humano em desenvolvimento, tal qual outra pessoa, apenas diferindo na idade, tanto cronológica quanto mental. Partindo deste pressuposto, fica fácil perceber que noção de limite deve se dada todo o dia, seja em qualquer ambiente em que estejamos inseridos, por todos aqueles que se encontram no mesmo. Toda rebeldia é um pedido de socorro, que nem sempre é compreendido.

Tudo isso é repetitivo, dizem, mas é assim que se alcançam objetivos, com persistência. Ao invés de ficar na platéia como expectador, vamos unir forças em prol da educação. O que está acontecendo, é que muitos profissionais estão atuando em áreas desconhecidas, tentando ¨descobrir como fazer¨ e muitos especialistas são ignorados por questões diversas. Enquanto isso acontecer, nada vai mudar. ¨Ninguém ama o que não conhece e nem dá o que não tem. Se alguém faz o que desconhece, é apenas porque lhe convém.¨ Percebe-se então que há uma falta de estrutura e planejamento, por parte de uma equipe gestora que oriente e capacite profissionais visando um ensino de qualidade. Já os pais muitas vezes, não acreditam na capacidade dos filhos. Então projetam para eles um futuro que nunca chega, pois cada indivíduo, tem suas habilidades e desejos, que aos poucos vão determinando uma trajetória de sucesso ou de fracasso. Cabe aos pais apenas orientá-los neste processo cotidiano e facilitar o acesso aos mecanismos de ação ou de defesa diante das diversidades de atitudes que serão tomadas por eles.

Tanto os educadores quanto a família devem dar tempos e espaços aos educandos para que o mesmos exercitem seus mecanismos cognitivos, podendo assim apropriar-se da autonomia necessária para ¨viverem experiências futuras¨. Há quem diga que não há futuro. Imagine alguém ter como mediador alguém que não acredite no futuro. Seria incoerente educar, pois educação é propósito futuro, pressupondo que podemos mudar preparando o indivíduo para uma sociedade melhor. Se apenas educamos para o hoje, então não acreditamos na sucessão dos dias. Mas não pensemos no futuro com sendo nosso. É preciso desprender-se dele. Pois ele não nos pertence, nós é que pertencemos a ele. E isso não quer dizer que ele não exista. Como uma mulher grávida poderia olhar para sua barriga que se projeta para frente dando vida ao um novo ser, sem acreditar no amanhã… Eis aí o milagre da vida que projeta o futuro. Ela cria o novo ser que deixa como extensão da sua vida passada. O filho nasce para o futuro… Filho do universo. Os pais não devem pensar no filho, como forma de propriedade. O filho vem ao mundo para viver sua própria vida. O filho vem através dos pais e não para os pais. É dolorido admitir isso. E há quem pense que sendo assim, não tem responsabilidade para com seu rebento. Mas na verdade quando o filho nasce, surgem responsabilidades para toda a vida.

A vida é aprendizado e a teoria deve ser associada a ela. Cada ato cometido por menores nos faz refletir. Onde andam seus pais, quem foi seu mestre, diga-me com quem andas e dir-te-ei quem és… Porém, isso não é suficiente. Dar atenção, amor e limite, é tudo. E é tudo o que eles precisam. Não adianta só escrever e falar sobre estes assuntos, mas quem escreve e fala sobre isso, demonstra que já está fazendo algo.

“Há aqueles que dizem que sabem e nada fazem.
Há aqueles que fazem sem saber.
Há aqueles que constroem o saber com aqueles que fazem”.
Como o indivíduo aprende?

Cada indivíduo tem seu ritmo para desenvolver-se, ao qual denominamos de tempo. Mas que tempo é esse? Se ignorarmos este tempo, qualificando-o como particularidade de cada indivíduo, sem intervir no processo de aprendizagem, comprometemos assim, todo o seu potencial criador. Cabe ao educador, entender e buscar formas de mediar o conhecimento e diversificando as atividades, de acordo com as dificuldades ou habilidades de cada aprendiz. Faz-se necessário o conhecimento de cada dificuldade encontrada. É neste momento que a mediação competente tem sua importância. Faz-se necessária uma intervenção diagnóstica por parte de especialistas, para detectar possíveis causas que estejam inviabilizando o processo de apropriação da aprendizagem como um todo.


Por uma alfabetização com significados

(M. de Fátima M. Baumgärtner)

Quando deparamos com o insucesso, a evasão escolar, a repetência e a defasagem/idade/série de nossos alunos, ficamos muitas vezes decepcionados. Nesta sociedade da informação tecnológica, na qual tudo se descarta e atualiza cotidianamente, muitas tentativas são frustradas, pois muitas vezes não há apropriação do conhecimento por falta de sentido ao que é oferecido como produto da educação propriamente dita. O que acontece, de fato, é que a criança chega à escola cheia de desejo de aprender e de repente perde o gosto pelos estudos. Isto acontece porque ela não entende o processo ensino-aprendizagem sem sentido prático. A forma como acontece este processo vai permitir avanços ou retrocessos em seu desempenho escolar. Olhando para nós mesmos, poderemos responder a estas questões. Quando a criança chega à escola, espera encontrar um líder, alguém em quem possa confiar, espera encontrar no coração da escola um ninho onde se abrigar. Porém, isto só acontece quando o professor estabelece um vínculo. Constata-se na dialética diária que o professor não passa pela vida de uma criança, mas sim, ajuda a formá-la. Não põe sonhos na mente de um adolescente, ajuda a realizá-los. Não transmite o conhecimento, facilita a construção do mesmo. Não dá aulas, cria com seus alunos um ambiente de aprendizagem. Enfim, não dá notas, mas, avalia cada postura adotada diante daquilo que lhe é proposto. Fazer a diferença na educação não é fazer tudo outra vez a cada ano. É fazer diferente aquilo que todos já fizeram e não deu certo. O diferencial está no potencial de cada um, mas que nem sempre é valorizado. Fica explícito aqui o entendimento de não haver distância entre avaliação, afetividade, teoria, planejamento coletivo, gestão democrática e acima de tudo um significado em tudo o que se realiza. A gestão pedagógica de uma escola focada na alfabetização, na construção do conhecimento e da autonomia dos seus educandos, perpassa pela responsabilidade do resgate das devidas funções atribuídas aos profissionais no momento de sua formação, ou seja, todo aquele que escolher a nobre função de professor, deve realmente acreditar que é capaz de transformar as gerações Partindo do pressuposto de que a biblioteca é o coração da escola, o que faz pulsar o corpo da escola é a leitura. Cabe aos educadores permitir que ela aconteça. Assim como na leitura dos livros, o educando fará a leitura de mundo que o rodeia. O cotidiano deve voltar a ser interessante, a sucessão dos dias, sem a exaustiva cultura do "espetáculo" a qualquer custo. É preciso mudar o percurso do olhar. Ainda há tempo, de plantar e colher. Basta preparar o chão, escolher a semente e semear na hora e lugares certos. “O educando sabe que sabe, mas precisa de um mediador para entender aquilo em que acredita. Pois é na interação que acontece a verdadeira compreensão, daquilo que se diz conhecimento.”

9 de maio de 2011

QUEM CANTA ENCANTA!









A hora do Conto na biblioteca escolar

REPASSE DE INFORMATIVO  
 
ENCONTRO COM PROFISSIONAIS DE BIBLIOTECA
BLUMENAU -SC
 
DATA: 13 DE MAIO  
 
HORÁRIO: 13:30 h às 17:30 h
 
Local:  CEMEP
 
TAREFA DO DIA: leitura do artigo abaixo:
 

A hora do Conto  na biblioteca escolar: o diálogo entre a leitura literária e outras linguagens de Cyntia Graziella Guizelim Simões Girotto e Renata Junqueira de Souza, p. 19-47, no livro Biblioteca escolar e práticas educativas: o mediador em formação/ Renata Junqueira de Souza, organizadora. ― Campinas, SP: Mercado das Letras, 2009. 

 



http://gebe.eci.ufmg.br/downloads/108.pdf


POSTAGENS

Digite o assunto da sua pesquisa

Siga nosso blog!

Alguns dos blogs que sigo

CLIC RBS

clicRBS

Últimas notícias

Carregando...

Postagens mais acessadas

Você é muito especial!

Ocorreu um erro neste gadget

Mapa do local

ALFABETO DO TANGRAM