8 de fevereiro de 2011

2011 - Ano Internacional das Florestas

2011 será o Ano Internacional das Florestas


Internet brasileira ganha site inédito de busca por pontos de coleta seletiva e reciclagem


Ferramenta online Rota da Reciclagem (www.rotadareciclagem.com.br), criada pela Tetra Pak com suporte do Google Maps, aponta cooperativas, pontos de entrega voluntária e comércios ligados à cadeia de reciclagem em todo o Brasil


São Paulo, março de 2008 – Em uma iniciativa inédita para a Internet brasileira, a Tetra Pak disponibiliza o primeiro buscador específico de pontos de coleta seletiva e reciclagem de embalagens longa vida (caixas de leite, sucos, molhos de tomate e outros alimentos). O novo buscador, denominado Rota da Reciclagem, conta com a tecnologia do Google Maps para apontar a localização e o contato de cooperativas, pontos de entrega voluntária de materiais recicláveis e comércios ligados à cadeia de reciclagem de embalagens da Tetra Pak pós-consumo em todo o território nacional.

O buscador ‘Rota da Reciclagem’ foi criado a partir da necessidade de encontrar pontos de entrega de materiais recicláveis em diversas cidades do País, vasculhando detalhadamente as regiões ao redor do endereço pesquisado. O funcionamento é simples: basta digitar o endereço e o buscador encontra os locais mais próximos onde é possível entregar as embalagens da Tetra Pak para reciclagem. “A Tetra Pak possui grande conhecimento na área de coleta seletiva e reciclagem, funcionando como catalisadora neste processo, criando mercado para os recicláveis e tecnologias de reciclagem”, afirma Fernando von Zuben, diretor de Meio Ambiente da Tetra Pak. “mapeamos a cadeia de reciclagem no Brasil e a partir de agora, vamos dividir este conhecimento com todos os interessados no assunto. Essa é uma forma de disseminar o conceito da coleta seletiva e aumentar o volume de material pós-consumo reciclado”, completa Fernando.


A iniciativa conta com a tecnologia inovadora do Google Maps. “Ficamos felizes em ver o ótimo uso que a Tetra Pak fez do Google Maps”, diz Patrícia Pflaeging, diretora de marketing do Google Brasil. O Google Maps está disponível para utilização em iniciativas que estimulem a interação com os usuários e prestem serviço à comunidade. “No caso da Rota da Reciclagem, entendemos que se trata de um serviço à população e ao meio ambiente”, diz Patrícia.

O Google disponibiliza no site http://code.google.com os códigos para que programadores possam usar a base de informações de seus produtos, como o Maps, para enriquecer o conteúdo de um site. Esse recurso é conhecido como um “mashup” – um tipo de aplicação que funciona quando ferramentas tecnológicas do Google são embutidas em sites de terceiros. “A Tetra Pak é uma das pioneiras em usar esse serviço no Brasil e uma das empresas que melhor utilizou nossa tecnologia até agora”, afirma Patrícia.



Passo a passo – Ao digitar o endereço do buscador (www.rotadareciclagem.com.br), o internauta se deparará com uma página explicativa de como utilizar a ferramenta. Abaixo, seguem as orientações básicas:

1. Digitar o endereço pretendido no campo em branco

2. Escolher o tipo de iniciativa da qual quer informação, entre cooperativas, comércios e pontos de entrega voluntária;
3. Clicar em Pesquisar no Mapa
4. O mapa mostrará sua localização e as iniciativas escolhidas mais próximas;
5. Clicar com o mouse sobre o ícone das iniciativas para ter mais informações. Usar os botões + e - para alterar o zoom e as setas, ou o próprio mouse, para se movimentar.

Reciclagem – As embalagens da Tetra Pak são 100% recicláveis e o Brasil é um dos grandes recicladores mundiais, além de pioneiro em algumas das tecnologias de reciclagem deste tipo de envase. As embalagens podem ser transformadas em caixas de papelão, telhas e placas para construção civil, canetas, vassouras, etc. Atualmente, mais de 30 empresas brasileiras reciclam a embalagem da Tetra Pak, gerando empregos e renda em uma cadeia de reciclagem que cresce ano a ano no País.

SOBRE A TETRA PAK
A Tetra Pak é líder mundial em soluções para processamento e envase de alimentos. Trabalhando junto com fornecedores e clientes, fornece produtos seguros, inovadores e ambientalmente corretos que a cada dia atendem às necessidades de centenas de milhões de pessoas ao redor do mundo. Com mais de 20.000 funcionários e operando em mais de 150 países, a Tetra Pak acredita na gestão responsável e abordagem sustentável do negócio. O slogan “PROTEGE O QUE É BOM” reflete a visão de tornar o alimento seguro e disponível, em qualquer lugar. Acesse www.tetrapak.com.br

SOBRE O GOOGLE
O Google foi fundado por Larry Page e Sergey Brin, dois estudantes da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, em 1998. A missão da empresa é tornar as informações mundiais acessíveis e úteis a todos. Desenvolvedor do maior mecanismo de busca do mundo, o Google oferece o caminho mais rápido e fácil de encontrar informações na internet, além de uma gama variada de produtos e serviços on-line. A empresa abriu um escritório no Brasil em junho de 2005 e, desde então, vem contribuindo para tornar mais fácil a vida dos internautas brasileiros. Para saber mais sobre a empresa, visite o site www.google.com.br


MAIS INFORMAÇÕES / Tetra Pak
Ogilvy Public Relations
André Pascowitch
andre.pascowitch@ogilvy.com
(11) 3024-5882

Tetra Pak
Liliana Morales
liliana.morales@tetrapak.com
(11) 5501-3205

MAIS INFORMAÇÕES / Google
Agência Ideal – Tel./fax: (11) 3097-9161 – www.agenciaideal.net
Marina Zveibil – marinaz@agenciaideal.net
Telefone: (11) 9479-0409
Eduardo Vieira – eduvieira@agenciaideal.net
Raul Fagundes – raul.fagundes@agenciaideal.net
Ricardo Cesar – ricardo.cesar@agenciaideal.net


http://www.tetrapak.com/br/meio_ambiente/ciclo_de_vida_da_embalagem/Pages/reciclagem.aspx

http://www.tetrapak.com/br/meio_ambiente/ciclo_de_vida_da_embalagem/pages/coleta_seletiva.aspx

http://www.rotadareciclagem.com.br/divulgacao/EmDiacomaReciclagem-mar08.pdf



http://www.rotadareciclagem.com.br/divulgacao/hotsitestp.pdf



http://www.culturaambientalnasescolas.com.br/index.html

..........................................................
ACESSE O LIVRO EM PDF "UMA LIÇÃO DE AMOR" DE PATRICIA SECCO
http://www.cempre.org.br/download/pdf%20gaia.pdf

Clique para fazer o download dos outros arquivos.

Conheça a Rota do Lixo
Jogo do Reciclino - Faminto por Reciclagem
Reciclino - Faminto por Reciclagem

http://www.cempre.org.br/educacaoambiental.php
Panfleto - Coleta Seletiva
.................................


.........................................
PLANEJAMENTO - 2011 LEITURA E MULTIMÍDIA


PRÉ-ESCOLAR/1º E 2º ANOS.

PROFESSORES NAZARÉ, CÉLIA E LAISA.

Mil Pássaros – Sete Histórias de Ruth Rocha, provoca saudades da infância. A escritora Ruth Rocha, narra pela primeira vez suas histórias em um CD musicado.

FAIXAS DO CD:

1. A Primavera Da Lagarta
2. A Borboleta E A Lagarta
3. A Arca De Noé
4. Noé
5. Nosso Amigo Ventinho
6. Do Vento
7. Bom Dia Todas As Cores
8. Camaleão
9. Romeu E Julieta(Ruth Rocha)
10. Romeu E Julieta(Paulo Tatit/ Zé Tatit)
11. Mil Pássaros Pelos Céus
12. Mil Pássaros
13. Lá Vem O Ano Novo
14. Relógio

Palavra Cantada – Sete Histórias de Ruth Rocha
Uma sugestão é esta leitura:

Bom Dia, Todas as Cores!

Bom Dia, Todas as Cores!

Meu amigo Camaleão acordou de bom humor.
- Bom dia, sol, bom dia, flores,
bom dia, todas as cores!

Lavou o rosto numa folha
Cheia de orvalho, mudou sua cor
Para a cor-de-rosa, que ele achava
A mais bonita de todas, e saiu para
O sol, contente da vida.

Meu amigo Camaleão estava feliz
Porque tinha chegado a primavera.
E o sol, finalmente, depois de
Um inverno longo e frio, brilhava,
Alegre, no céu.
- Eu hoje estou de bem com a vida
- Ele disse. - quero ser bonzinho
Pra todo mundo...

Logo que saiu de casa,
O Camaleão encontrou
O professor pernilongo.
O professor pernilongo toca
Violino na orquestra
Do Teatro Florestal.
- Bom dia, professor!
Como vai o senhor?
- Bom dia, Camaleão!
Mas o que é isso, meu irmão?
Por que é que mudou de cor?
Essa cor não lhe cai bem...
Olhe para o azul do céu.
Por que não fica azul também?

O Camaleão,
Amável como ele era,
Resolveu ficar azul
Como o céu da primavera...

Até que numa clareira
O Camaleão encontrou
O sabiá-laranjeira:
- Meu amigo Camaleão,
Muito bom dia e você!
Mas que cor é essa agora?
O amigo está azul por quê?

E o sabiá explicou
Que a cor mais linda do mundo
Era a cor alaranjada,
Cor de laranja, dourada.

Nosso amigo, bem depressa,
Resolveu mudar de cor.
Ficou logo alaranjado,
Louro, laranja, dourado.
E cantando, alegremente,
Lá se foi, ainda contente...


Na pracinha da floresta,
Saindo da capelinha,
Vinha o senhor louva-a-deus,
Mais a família inteirinha.
Ele é um senhor muito sério,
Que não gosta de gracinha.
- bom dia, Camaleão!
Que cor mais escandalosa!
Parece até fantasia
Pra baile de carnaval...

Você devia arranjar
Uma cor mais natural...
Veja o verde da folhagem...
Veja o verde da campina...
Você devia fazer
O que a natureza ensina.

É claro que o nosso amigo
Resolveu mudar de cor.
Ficou logo bem verdinho.
E foi pelo seu caminho...

Vocês agora já sabem como era o Camaleão.
Bastava que alguém falasse, mudava de opinião.
Ficava roxo, amarelo, ficava cor-de-pavão.
Ficava de toda cor. Não sabia dizer NÃO.

Por isso, naquele dia, cada vez que
Se encontrava com algum de seus amigos,
E que o amigo estranhava a cor com que ele estava...
Adivinha o que fazia o nosso Camaleão.
Pois ele logo mudava, mudava para outro tom...

Mudou de rosa para azul.

De azul para alaranjado.

De laranja para verde.

De verde para encarnado.

Mudou de preto para branco.

De branco virou roxinho.

De roxo para amarelo.
E até para cor de vinho...

Quando o sol começou a se pôr no horizonte,
Camaleão resolveu voltar para casa.
Estava cansado do longo passeio
E mais cansado ainda de tanto
mudar de cor.
Entrou na sua casinha.
Deitou para descansar.
E lá ficou a pensar:
- Por mais que a gente se esforce,
Não pode agradar a todos.
Alguns gostam de farofa.
Outros preferem farelo...
Uns querem comer maçã.
Outros preferem marmelo...
Tem quem goste de sapato.
Tem quem goste de chinelo...
E se não fossem os gostos,
Que seria do amarelo?

Por isso, no outro dia, Camaleão levantou-se
Bem cedinho.
- Bom dia, sol, bom dia, flores,
Bom dia, todas as cores!

Lavou o rosto numa folha
Cheia de orvalho,
Mudou sua cor para
A cor-de-rosa, que ele
Achava a mais bonita
De todas, e saiu para
O sol, contente
Da vida.

Logo que saiu, Camaleão encontrou o sapo cururu,
Que é cantor de sucesso na Rádio Jovem Floresta.
- Bom dia, meu caro sapo! Que dia mais lindo, não?
- Muito bom dia, amigo Camaleão!
Mais que cor mais engraçada,
Antiga, tão desbotada...
Por que é que você não usa
Uma cor mais avançada?

O Camaleão sorriu e disse para o seu amigo:
- Eu uso as cores que eu gosto,
E com isso faço bem.
Eu gosto dos bons conselhos,
Mas faço o que me convém.
Quem não agrada a si mesmo,
Não pode agradar ninguém...
E assim aconteceu
O que acabei de contar.
Se gostaram, muito bem!
Se não gostaram, AZAR!

MAIS DICAS DE FONTES:

Artigo eletrônico: "Educação não tem Cor", disponível em:
http://revistaescola.abril.com.br/politicas-publicas/legislacao/educacao-nao-tem-cor-425486.shtmlITANI, A. Vivendo o preconceito em sala de aula. In AQUINO, J. G. Diferenças e Preconceito na Escola - Alternativas Teóricas e Práticas. São Paulo: Summus, 1998.


Sugestão de vídeo:

"O Xadrez das Cores", disponível em:
http://www.portacurtas.com.br/pop_160.asp?Cod=2932&exib=5937

....................................................


A metamorfose das borboletas

(Hélio Ziskind)

dedicada a Alvarenga e Ranchinho
Assim como nós
que nascemos do ovo
A borboleta
nasce também

Só que o ovo dela
é bem pequenininho
também pudera
O filho dela é bem menor do que um pintinho

có có có có có
có có có

- Bão, vamo contá a história da Borboleta, né?
- Vamo lá
toc toc

A Borboleta
põe o ovo numa folha
e vai embora
e vai embora
o ovo fica lá
lá lá lá lá lá
o ovo fica lá

Passa o tempo
e lá de dentro do ovo
sai uma lagarta
la la la la garta
sai uma lagarta

- Quer dizer que a lagarta nasce do ovo da Borboleta?
- É, mas não parece filha dela não... não tem asa, tem um monte de perna,
é peluda, diferente, né?
- É, o pintinho é mais parecido com a gente né...
- É, tem duas pernas, um bico, e é mais bonitinho, né...
- Faz piu piu piu...
- Piu piu piu
- Bão, vamo voltá prá lagarta, faz o toc toc aí
toc toc

la la la lagarta
sai uma lagarta

com fome e come
e come a casca do ovo

e anda e anda
e come e come
e acha tudo gostoso

có có có có
có có
e acha tudo gostoso

Um dia a lagarta resolve
se pendurar
troca de pele, joga as pernas fora
fica que nem um pacotinho
até o nome ela muda

pupa pupa pupa
lagarta vira pupa

- E ela fica lá dentro do pacotinho?
- Fica uai, parece um drops, toda embrulhadinha...
- Esperta heim...
- Vamo abrir o pacotinho...faz aí o toc toc
toc toc
a href="http://1.bp.blogspot.com/_F_RC09ebByk/TVKJqluiFII/AAAAAAAACL0/5mUwUhcserk/s1600/Tere%2B1%25C2%25BA%2BAno%2B%25288%2529.JPG">

E quando o pacotinho se abre...

sai a borboleta
toda dobradinha
força borboleta!
estica estica estica estica as asas

bor bor bor boleta
vai de flor em flor
bor bor bor borboleta
tem de toda cor

- Bom, mas pera um pouco, quer dizer que borboleta e a lagarta são o mesmo bicho?
- É...com uma metamorfose no meio!
- Ih... agora complicou...acho melhor agente subir o tom...vamo lá...
toc toc toc

Um dia a borboleta
pousa numa folha
e põe ovo, e põe ovo, e
toc toc toc
a história começa de novo

Na natureza
as histórias são assim
voltam pro começo
quando chegam no fim

hê hê....





________________________________________


fONTE:
A BORBOLETA GIGANTE

Certa vez uma lagarta adormeceu.
Vocês sabem o que é uma lagarta? É um desses bichinhos que se arrasta pelo chão. Não, não é minhoca! É mais curta e tem umas perninhas . Pois é, nossa pequena lagarta adormeceu , mais foi um sonho diferente. Não aconteceu como das outras , quando ia dormir de noite e acordava no dia seguinte Agora o sono durou mais tempo
E não imaginem a surpresa da lagarta, quando acordou. Do lado de seu corpo , saiam duas coisas esquisitas, Sentiu-se como outro bichinho Que seria? Experimentou mover um pouco aquilo... Ah! Eram asas... Vejam só uma lagarta, um verme acordar com asas!...Que coisa formidável!
Vamos ficar olhando.
- Ah, sim, agora podemos ver que a lagarta virou borboleta, uma linda borboleta azul.
Sabem vocês todas as borboletas foram um dia lagartas, logo que nasceram. Depois se transformaram, nesse belo inseto colorido.
Como é gostoso voar! Como a vida é bela! Upa esse vento quase me derruba
Ainda não estou bem pratica no vôo. Sai da frente mosquito, que vou dar um mergulho
Era uma diversão para aquela lagarta que virou borboleta.
Bom dia borboleta azul dizia a margarida.
Um pássaro passou voando rapidamente perto da borboleta azul e ela ficou olhando com um pouco de inveja para aquela ave tão independente.
Comigo é diferente! A cada soprada do vento, lá vou eu para onde não quero. Ah... se eu pudesse ser como um pássaro... ou então como uma borboleta grande , um "borboletão"... De repente lembrou-se de seu amigo o mestre sapo, Mestre sapo sabia tanta coisa ,vivia lendo uns papeis velhos e até usava óculos. Quem sabe ele poderia dar um jeito.
Tim... tim... tim... bateu a borboleta azul na porta do mestre sapo.
Apareceu o mestre Sapo e fez a borboleta entrar.
Ouviu dela uma queixa . Disse que se sentia muito triste por ser tão frágil, tão levezinha.
Gostaria de ser maior e mais respeitada.
Se quiser fazer uma experiência, podemos ver se mudamos o seu tamanho. Acabo de descobrir um fortificante, um alimento que faz a gente crescer muito mais. Leve este vidro para casa e tome uma colher por dia.
A borboleta recebeu o vidro, despediu-se do sapo e voou para casa .Era tanta a vontade de crescer que começou a tomar duas colheres por vez .Foi tomando o fortificante, tomando tanto que sabem vocês o que aconteceu?

Daí a alguns dias a nossa borboleta tinha aumentado demais o seu tamanho e começou a falar grosso!...

Foi dar o seu passeio matinal. Ia mostrar-se cheia de orgulho as suas amigas e as flores.
Muito satisfeita a borboleta azul ia pousando numa rosa, para cumprimenta-la cheia de vaidade, quando a rosa exclamou:
Que é isso monstro, ve me arranca as pétalas. Pode até quebrar o meu caule. Por favor saia daqui!
A borboleta azul sentiu-se encabulada, saiu de onde estava , deixando a rosa a balançar
Violentamente, e pensou:
Pelo menos as minhas amigas borboletas, irão render-me homenagens
Penso até que serão capazes de me escolher como a rainha das borboletas
Mas quando se aproximou foi uma decepção. Ouviu até cochicharem:
Coitada dessa borboleta, como cresceu e ficou desengonçada! Deve Ter sido alguma doença. Deixa até a gente assustada!
Aquelas palavras foram um choque. Tinha perdido a amizade das flores e das irmãs
Muito triste, foi-se retirando, levantando poeira com o bater de suas enormes asas. Uma formiga foi atirada longe pelo vento que ela fazia. E para sua maior tristeza ainda pode ouvir quando a formiga gritou-lhe:
Ó ventilador ambulante!
Agora só restava procurar o mestre sapo. Quem sabe ele poderia fazer alguma coisa . Quando chegou na casa do sapo, soube que o velho mestre tinha morrido. A tristeza da borboleta foi dupla : Primeiro tinha perdido um grande amigo; depois, era o único que poderia salva-la daquela situação. Passar o resto da vida igual a um monstro que horror!
As lágrimas corriam-lhe dos olhos.Soluçando descobriu sobre a mesa uma folha de papel toda escrita. Era uma carta que o velho sapo lhe dirigia.
"Minha amiga borboleta azul" Chegou o momento, devo partir. Vou morrer. Como eu sabia que você ia ficar arrependida de Ter crescido tanto, consegui preparar um remédio que faz voltar ao tamanho natural. Com esse remédio, você poderá voltar a ser borboleta pequena como era. Tome uma colher por dia e não se esqueça de seu amigo sapo.
A borboleta toda comovida, retirou-se para a sua casa e lá ficou vários dias trancada,
Tomando o seu remédio até voltar ao que era antes.
Depois de uma semana saiu cheia de alegria a visitar suas companheiras.
Onde é que você andou? Perguntou-lhe o cravo—Estamos com saudades de você. Uma borboletinha amarela foi dizendo, Foi pena você não estar aqui a semana passada, Borboleta Azul. Passou por aqui uma borboleta tão grande que ficamos todas assustadas. Ainda bem que desapareceu.,
A borboleta azul bem que ouviu tudo aquilo e ficou quietinha, quietinha....
Estava satisfeita de voltar para junto de suas amigas
.....................................
História 02

"A árvore triste"

Certa vez, existiu uma árvore que vivia sempre triste, porque de seus galhos jamais havia brotado uma flor.

Só folhas. Uma abelhinha aproximou-se dela cantando:

- Zumm...zumm...zumm...Que árvore feia! Só tem folhas! E as flores, onde estão?


Sua companheira observou:
- Aqui não fico, pois preciso levar um pouco de mel para minha colméia.

Vocês sabem o que é uma colméia?
É a casinha das abelhas.
É ali que elas moram e fabricam o tão preciso mel.
As abelhinhas são trablhadeiras, retiram o néctar das flores, que é um docinho que todas elas possuem.
Depois levam esse néctar para a colméia e ali o depositam. Hoje, amanhã, depois...E vão formando o mel tão saboroso.
Como é gostoso um favo de mel!
Bem, voltemos à nossa história.

A abelhinha continuou:
- Como esta árvore não tem flores, vou-me embora.


Chegou em seguida, uma linda borboleta e, voando em torno da árvore, comentou:
- Como é triste esta árvore! Não tem nenhuma flor! As flores é que alegram a vida...


Vocês sabiam que as borboletas põem ovinhos nas folhas das plantas, e desses ovinhos nescem uma porção de lagartas que um dia se transformam em lindas borboletas?


Como é maravilhosa a natureza!

Vieram também alguns passarinhos, mas não gostaram de fazer seus ninhos na árvore sem flores, por isso não ficaram lá.

A noite já vinha chegando, quando um menininho se aproximou da árvore.
- Estou tão cansado que vou me deitar debaixo dessa árvore, disse o pequeno.
Deitou e dormiu.

A árvore, no seu silêncio, pensou: "Como ele está cansado...Deve estar sentindo frio! Vou derrubar minhas folhas sobre ele, para lhe servirem de agasalho, assim ele não sentirá tanto frio."

Quando amanheceu, o menino acordou e disse admirado:
- Que vejo? Quantas folhas! Dormi tão bem...Como essa árvore é boa e generosa! Agasalhou-me com suas folhas!
O menininho, muito agradecido, disse a árvore:
- Você terá sua recompensa: vou transformá-la na árvore mais bela e alegre deste lugar.


E continuou:
- Árvore, de hoje em diante, de seus galhos brotarão flores multicores, para que todos se sintam felizes!

Voltaram as abelhinhas, a borboleta e os passarinhos, e todos disseram:
- Como está bonita, perfumada e alegre! Você é a árvore mais linda que existe! Viremos sempre visitá-la!


E todos cantaram junto com as flores...
.......................


http://letras.terra.com.br/palavra-cantada/

Camaleão
Palavra Cantada
O camaleão rosa-choque ou rosa-grená
Despertou numa manhã tão cheia de cores no ar
Deu bom dia para a violeta, roxo e lilás
Lavou o seu rosto no orvalho verde a brilhar

Eu visto a cor que eu quero
Se é sol eu sou o amarelo

Subiu pelos galhos da figueira e ficou marrom
Encontrou o vaga-lume aceso e virou néon
Quando ouviu o sabiá cantando já mudou de tom
Qualquer cor que pinte pela frente ele acha bom

Eu visto a cor que eu quero
Se é sol eu sou o amarelo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário

POSTAGENS

Digite o assunto da sua pesquisa

Siga nosso blog!

Alguns dos blogs que sigo

CLIC RBS

clicRBS

Últimas notícias

Carregando...

Postagens mais acessadas

Você é muito especial!

Ocorreu um erro neste gadget

Mapa do local

ALFABETO DO TANGRAM