23 de junho de 2009

PROJETO "MINHA RUA TEM HISTORIA PRA CONTAR"


PREFEITURA MUNICIPAL DE BLUMENAU

Livro lançado em Novembro de 2008,aborda o Rio Itajaí-Açu,que corta diversas cidades do estado de Santa Catarina.Registro da nascente até a foz,em uma área de 15.000 kilometros quadrados. Texto da escritora blumeauense Christina Baumgarten e fotos de Nele constam poemas, sendo que um deles é de minha autoria. Publicação da HB Editora,
Caro visitante do nosso blog, caso for do seu alcance, pedimos a doação do livro acima - SUA MAJESTADE, O ITAJAI-AÇU, para nossa biblioteca,(por exemplo,possui-lo mas não precisar mais dele/conhecer alguém que quer doá-lo) pedimos com carinho, ... pois o mesmo não está sendo vendido. Ele é um dos livros importantes para fundamentar nossa pesquisa. Se for possível, outros livros que possuem cunho histórico sobre nossa cidade, poderão ser doados ou emprestados, até. Aceitamos referências bibliográficas ou dicas de sites para consultas sobre nosso assunto em questão.Agradecemos!

ATENÇÃO!

Se sua instituição estiver interessada em desenvolvimento de projetos/
palestras e oficinas sobre
*Literatura Infanto Juvenil
*Brincando com a poesia
*Baú de memórias
*Fotografia
*Entrevista com autor

Podem entrar em contato (Fátima) pelo telefone (47) 84375004, ou pelo email:
biblioteca.princesaisabel@yahoo.com.br

NOVIDADES!

Com o apoio da Direção e das coordenadoras, as professoras Fátima e Kelly, iniciaram o projeto intitulado,
"MINHA RUA TEM HISTÓRIA PRA CONTAR".

O mesmo surgiu após um diálogo entre elas, na biblioteca, durante os momentos de leitura com os alunos da 7ª série.

Ingelore e Marli Coordenadoras

Fonte: BAIRRO RIBEIRÃO FRESCO
O presente trabalho se destina a dar uma noção da história do bairro Ribeirão Fresco, desde às origens da Colônia Dr. Blumenau.

Fonte: www.blumenau.sc.gov.br/.../bairros/ribeirao_fresco.htm

BAIRRO RIBEIRÃO FRESCO
1 ASPECTOS HISTÓRICOS

O presente trabalho se destina a dar uma noção da história do bairro Ribeirão Fresco, desde às origens da Colônia Dr. Blumenau. Os principais fatos são relatados em forma quase cronológica, onde aparece uma grande quantidade de datas, para que o leitor possa se situar e perceber a importância econômica e social da Colônia e sua evolução nesses 146 anos da fundação.
Apesar dos inúmeros contratempos e dificuldades, as anotações, aqui constantes, foram pesquisadas em diversas obras, documentos, revistas e jornais do Arquivo Histórico, entrevistas em campo e por fim observações realizadas nestes últimos 35 anos.
O bairro foi oficializado pelo prefeito Frederico Guiherme Busch Júnior através da Lei no 717, de 28 de abril de 1956. No mapa da Colônia de Blumenau de 1864 já constava o nome do ribeirão fresco, bem como o traçado do caminho principal que conduzia ao Kühler Grund - Solo Fresco, denominação usada pelos primeiros imigrantes.
É um vale estreito com uma planície de 200 a 300 metros de largura, com muitos mananciais o que ameniza a temperatura nos verões quentes.
O bairro estava dividido em região do Vale, área baixa e sujeita a enchentes com 10 metros e a região Urbana, fazendo parte do ex-Stadtplatz.
Na margem direita do ribeirão constavam 4 lotes coloniais e 8 na margem esquerda.
O imigrante Dittrich implantou no fundo do vale o primeiro matadouro da região com equipamentos que trouxe da Alemanha.
A rua principal era denominada Pastor Oswaldo Hesse, que mudou seu nome para rua Mato Grosso com a lei da nacionalização, sendo que em 20 de janeiro de 1953, retorna seu nome para Pastor Oswaldo Hesse.
A pedra fundamental da Igreja Evangélica de Confissão Luterana - Paróquia Blumenau Centro, foi lançada em 23 de outubro de 1868, pelo Pastor Oswaldo Hesse, sendo o arquiteto Henrique Krohberger. Nos fundos da igreja está o cemitério onde repousa os restos mortais de Fritz Müller.

O Pastor Oswaldo Hesse foi contratado pela Comunidade Evangélica, em 1857, sendo ainda, professor de uma escola particular, que foi construída próxima a igreja. Nesta escola foi construída uma dependência que servia-lhe de moradia.
No mês de setembro de 1915 foi fundado o Hospital Santa Catarina de propriedade do Sínodo Evangélico de Santa Catarina e Paraná, sendo inaugurado em junho de 1920. Outras ampliações foram realizadas e tem recebido nos últimos tempos os mais modernos equipamentos, permitindo a realização de cirurgias de cateterismo, angioplastia e cirurgias cardíacas.
No morro da Garuva, onde está a nascente do Ribeirão Fresco, foi aberta uma estrada que dá acesso ao município de Gaspar, pela localidade de Gasparinho.
No dia 19 de julho de 1919, foi fundado o Clube Brasil de Futebol, onde com a advento da nacionalização para Sociedade Esportiva Palmeiras. O clube, em 1946, possuia seu próprio campo e no ano seguinte este campo recebeu o nome de Aderbal Ramos da Silva.

A ponte 25 de Julho, inaugurada em 25 de julho de 1937, passou a ligar a alameda Duque de Caxias a rua Amazonas sobre o ribeirão Fresco. Sua largura foi duplicada.
Em 1996, iniciou-se a implantação de uma segunda pista (alameda/amazonas), estando em nível bem mais elevado, servindo com um dique de contenção, visando conter o alagamento que ocorre de forma rápida nas partes mais baixas do bairro, com as águas represadas entre o ribeirão Garcia e rio Itajaí-Açú.
A Sociedade dos Atiradores de Blumenau, no ano de 1938, passa a ser denominada de Tabajaras Tênis Clube, estando situado na rua Alvin Schrader.
A Praça Marechal João Batista Mascarenhas de Moraes foi inaugurada em 15 de novembro de 1973.
Existe uma relação dos pracinhas mortos na Guerra de 1945, bem como a dos pracinhas que retornaram e que pertenciam ao 23o Batalhão de Infantaria.

2 ASPECTOS FÍSICOS E HUMANOS

Localização: Margem direita do rio Itajaí-Açú, na porção Sudeste, próximo a área central do município de Blumenau
Limites: Norte: bairro Vorstad.
Sul: bairro Garcia
Leste: Zona Rural de Blumenau e município de Gaspar
Oeste: bairros Jardim Blumenau e Centro.
Superfície: 2,0 km2 (dois quilômetros quadrados)
Vegetação: Vegetação exuberante. As encostas neste pequeno vale tem bastante declividade, formando um vale estreito coberto por densa floresta até quase no alto. Duas áreas localizadas no fundo deste bairro caracterizam, para o futuro, a preservação da vegetação autóctone, sendo o Camping Municipal e a área do Grupo de Escoteiros Leões.
Hidrografia: Formada pelos ribeirões Fresco e o Araranguá.
Relevo: O bairro se localiza nas Planícies Centrais, na região denominada “Bacia do Itajaí-Açú”. Vale estreito, cujo principal acidente geográfico é o morro da Garuva, com altitude de 210m (duzentos e dez metros).
Enchente: Das 42 ruas existentes, 26 foram atingidas, ou seja, 61,9% (sessenta e um vírgula nove por cento) das ruas.
População: 2.511 habitantes em 1980 e 11.767 habitantes em 1991 e 1.961, apresentando uma taxa de crescimento vegetativo negativo de -2.2% (menos dois ponto dois por cento) ao ano na última década.
Residências: 618 residências em 1980 e 532 em 1991.
Ruas/Avenidas/Alamedas
São 42 ruas, sendo 23 de terra, 03 de paralelepípedos, 07 de lajotas sextavadas, 02 de asfalto e 07 apresentam mais de um tipo de pavimentação. São consideradas como ruas principais, os Corredores de Serviço que são classificadas, hierarquicamente, segundo o Plano Diretor Municipal de Blumenau, como Arteriais, as seguintes ruas: Pastor Osvaldo Hesse, Coletora; e parte da rua Alvin Schrader, Arterial.
A rua Pastor Osvaldo Hesse foi criada através da Lei no 445, de 02 de junho de 1953; e a rua Alvin Schrader, através da Lei no 65, de 06 de setembro de 1945.

3 ASPECTOS SÓCIO-ECONÔMICOS
3.1 Caracterização Econômica

O bairro apresenta características predominantemente residencial, com tendências ao incremento das atividades econômicas .A principal aglomeração de atividades econômicas é a Terciária (comércio e serviços), que ocorre, neste bairro, ao longo das principais ruas.
A população residente do bairro Ribeirão Fresco, no período 80/91, vide Tabela I, apresentou decréscimo de -21,9% (menos vinte e um vírgula nove por cento), ou seja, existiam 2.511 habitantes em 1980, passando para 1.961 em 1991. O número de domicílios, no mesmo período, vide Tabela I, apresentou uma redução de -13,92% (menos treze vírgula noventa e dois por cento), ou seja, existiam 618 domicílios em 1980, passando a 532 em 1991.
No bairro Ribeirão Fresco encontra-se um dos pontos mais baixos da área central da cidade. Tal situação tende a mudar após a construção do dique que impedirá o retorno das águas represadas pelo rio Itajaí-Açú que provocam o alagamento deste ponto do bairro.
O fato de o bairro possuir pontos alagadiços, possivelmente, foi uma das causas que levaram a provocar a redução da população residente e o número de domicílios, no período 80/91.
Esta característica, provavelmente, permitiu que os imóveis fossem usados para fins comerciais, iniciando uma nova conduta de crescimento das atividades econômicas no bairro. A Tabela I, a seguir, mostra o somatório das atividades econômicas e da população residente no bairro, do ano 1980 e 1991:

3.1.1 Tabela I - Somatório das Atividades Econômicas, População e Residências, no Período de 1980 a 1991, do bairro Ribeirão Fresco.
Ano
Atividades
População

Indústria
Comercio
Prest. Serv
Autônomos
Masculino
Feminino
Domicílios
1980
11
20
42
156
1.169
1.342
618
1991
17
48
72
138
956
1.005
532

3.1.2 Atividades Industriais

As atividades industriais, no período 80/94, vide Tabela I, cresceram na ordem de 54,55% (cinqüenta e quatro vírgula cinqüenta e cinco por cento), ou seja, partiram de 11 estabelecimentos industriais em 1980, passando para 17 em 1991, nos setores do vestuário, bebidas, esquadrias, artefatos de cimento, etc., sendo grande parte estabelecimentos de pequeno porte, podendo ser citadas as seguintes:

Tipo Vestuário
Nome Facsan Têxtil Ltda ME
Endereço Rua 7 de Setembro, 55

Vestuário
Griffe Crista Com Malhas
Rua Eugen Germer, 26
Vestuário
Olga Taufenbach da Luz ME
Rua João Manoel da Luz, 438
Bebidas
Solar de Blumenau Destilaria Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 1.201
Vestuário
Zuunp Malhas Ltda ME
Rua Araranguá, 231
Esquadrias
Ind. Com Molduras Modular Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 789
Vestuário
Novatex Têxtil Ltda
Rua Reinaldo Manske, 65
Art. Cimento
Ind. Com Artefatos de Cimento
Rua Boa Esperança, 111
3.1.3 Atividades Comerciais

As atividades comerciais, no período 80/91, vide Tabela I, cresceram na ordem de 140% (cento e quarenta por cento), ou seja, o bairro possuía 20 estabelecimentos comerciais em 1980, passando para 48 em 1991, no comércio de alimentos, bebidas, material de construção, vestuário, componentes industriais, material hospitalar/farmacêutico/odontológico, etc., podendo ser citado os seguintes:

Tipo Alim/Bebida
Nome Albertina Rosa
Endereço Rua 7 de Setembro, 67

Alimentos
Antônia Maria Pereira
Rua Araranguá, 254

Alimentos
Antônio Carlos Adriano
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 605

Alim/Bebida
Bar Lanch Ivo Ltda
Rua Amazonas, 450

Alim/Bebida
Bar e Mercearia Sandra Ltda
Rua Araranguá, 815

Mat. Constr.
Base Proj Constr. Civil Repres Ltda
Rua Pastor O. Hesse, 1.321

Alimentos
Carlito Martins
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 1.383

Vestuário
Carlos Alberto Marcos
Rua 7 de Setembro, 45

Alimentos
Com Frutas Zuchi Ltda
Rua 7 de Setembro, 97

Alimentos
Com Repres Pastor Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 961

Alimentos
Cora Pereira Géiser - Lanch
Rua Amazonas, 550

Comp. Indl
Corbras Com Repres Ltda
Rua Dos Candangos, 74

Mat. Hosp.
CR Pastor Com Repres Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 1.331


3.1.4 Atividades Prestadoras de Serviços

As atividades prestadoras de serviços, no período 80/91, vide Tabela I, cresceram na ordem de 71,43%, ou seja, o bairro contava com 42 prestadores de serviços em 1980, atingindo a 72 em 1991, nos serviços de clínicas, laboratórios, hotelaria, transportes, construção civil, representação comercial, auto mecânica, assessoria comercial, publicidade, etc., podendo ser citadas as seguintes:

Tipo
Nome
Endereço
Clínicas
CELP - Centro Médico Luís Pasteur
Rua Prefeito Frederico Busch, 255
Laboratórios
Laboratório Hospital Santa Catarina
Rua Amazonas, 119
Transportes
Auto Viação Rainha
Rua Mâncio Costa, 71
Const Civil
ABL Com Serviços Ltda
Rua Eugen Germer, 86
Repres Coml
Alfa Com Repres Ltda
Rua Eugen Germer, 40
Repres Coml
Ataliba Egídio da Silva
Rua Alvin Schrader, 1.402
Auto mecânica
Auto Peças Serviços Pastor Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 591
Asses Coml
C S V Asses Exp Imp Ltda
Rua 7 de Setembro, 644
Auto mecânica
Auto Mecânica Moderna Ltda
Rua Amazonas, 506
Repres Coml
Carlos Roberto Nones
Rua Alvin Schrader, 1.402
Publicidade
Cefam Promoções Públicas Ltda
Rua Pastor Osvaldo Hesse, 1.875
Hotelaria
Hotel Chatourni
Rua Max Wehmuth, 61

3.1.5 Atividades Autônomas

As atividades autônomas, no período 80/91, vide Tabela I, decresceram na ordem de -11,54% (menos onze vírgula cinqüenta e quatro por cento), ou seja, o bairro possuía 156 autônomos em 1980, passando para 138 em 1991. Estas atividades são exercidas por profissionais liberais de diversos setores da economia.


4 EQUIPAMENTOS URBANOS

Para que uma Unidade Administrativa da esfera Federal, Estadual ou Municipal possa executar suas atividades e manter o controle é necessário que estas possuam Instituições/Órgãos Públicos.

Devem localizar-se em pontos estratégicos, a fim de atender, primeiramente, as necessidades básicas da comunidade. Ao atender a comunidade deve inteirar-se das dificuldades, promovendo políticas de planejamento, controle e execução de obras e serviços públicos, como também regulamentar as atividades da iniciativa privada.

Após a criação das Leis, pelo Legislativo, surge a responsabilidade dos administradores destas Instituições/Órgãos Públicos a execução e controle de todas as atividades existentes, segundo sua área de abrangência. O bairro Ribeirão Fresco possui Instituições/Órgãos Públicos somente da esfera do governo municipal:


4.1 Órgãos Públicos

Nome Hospital Santa Catarina

Endereço Rua Amazonas, 301
Particular

Terminal Rod. Urbano Municipal
Rua Amazonas/Prefto Frederico Busch Jr

4.2 Instituições de Ensino

Nome EBM Pastor Faulhaber
Endereço Rua Pastor O. Hesse, 1.090
Municipal


Escola Adventista Castelo Forte
Rua Alvin Schrader
Particular

Esporte:
Tae-Ken-Dô - Academia
Rua Mâncio Costa
Particular

Pré
Creche Tia Keiko
Rua Maurici, 61

4.3 Entidade Religiosas
Nome Igreja O Brasil para Cristo
Endereço Rua Pastor Osvaldo Hesse, 394

Igreja Evang. Conf. Lut - Paróquia Bl Centro
Rua Amazonas, 119
Centro Espírita - Fé Cristo Caridade
Rua Rotary Clube, 138


4.4 Clubes/Associações

Clube dos Candangos - Rua Dos Candangos
Grupo Escoteiros Leões - Rua Pastor Osvaldo Hesse, 1.697

4.5 Camping Municipal
Camping Club do Brasil - Rua Pastor Osvaldo Hesse, 2.188


4.6 NÚCLEOS DE DEFESA CIVIL

- Igreja Evangélica de Confissão Luterana - Paróquia Blumenau Centro - Rua Amazonas, 119
- Grupo de Escoteiros Leões - Rua Pastor Oswaldo Hesse, 1.697
- Escola Reunida Municipal Pastor Faulhaber - Rua Pastor O. Hesse, 1.090

Cemitério: Cemitério Evangélico - Rua Amazonas, 119
Praça: Praça Marechal Mascarenhas - Rua Amazonas/7 de Setembro
Foco de Submoradia: Rua Benigno Joaquim dos Santos
Ancionato: Casa do Sossego - Rua Henrique Avé Lallemant, 341





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário

POSTAGENS

Digite o assunto da sua pesquisa

Siga nosso blog!

Alguns dos blogs que sigo

CLIC RBS

clicRBS

Últimas notícias

Carregando...

Postagens mais acessadas

Você é muito especial!

Ocorreu um erro neste gadget

Mapa do local

ALFABETO DO TANGRAM