10 de setembro de 2011

Programa Justiça Legal - Blog dos Alunos



INCLUSÃO DIGITAL NA PRÁTICA
Compartilho com muita alegria, duas matérias dos jornais (Santa Catarina e Diário Catarinense/ 28 E 29 DE MAIO DE 2011) e o vídeo com a entrevista veiculada no SBT como havia prometido aos queridos leitores deste blog. parabéns aos maravilhosos profissionais da área da comunicação que demonstram a valorização de nosso trabalho como EDUCADORES.

Fiquei sabendo da matéria do Diário Catarinense, porque o Sr Luis Pimentel que é repórter do Programa Justiça Legal/SBT - TV, mostrou o jornal e disse-me que recebeu como pauta para seu programa de domingo, às 09 horas da manhã.

Ele veio até Blumenau em nossa escola para realizar uma entrevista comigo.

Foi muito bom. Nossos alunos e a diretora Marita foram entrevistados também.

É maravilhoso saber que nossos alunos brilham a partir daquilo em que acreditam e que tem significado no cotidiano. Reforçando, eles aprendem por associação, então tudo aquilo que representa apenas conteúdo exposto ou registrado qual mera tarefa dada, configura-se como "informação".

Mas sabemos que o que importa é o processo como esta informação é assimilada e qual foi a "mudança intelectual" gerada neste indivíduo e que caracteriza-se como"conhecimento" propriamente dito. Cabe aos educadores, incentivarem e divulgarem estas habilidades, dando ênfase às produções deles, pois o futuro deste país está em nossas mãos.

A inserção das novas tecnologias na esfera pedagógica veio abrir um leque de possibilidades no cotidiano escolar.
Isso é inclusão digital na prática. Não basta ser educador entre quatro paredes, nossa formação vai muito além disso.


Somos disseminadores de uma cultura antes de tudo, comunicadores por vocação, pois nossa sala de aula nada mais é do que um estúdio de criação onde podem acontecer maravilhas.
Dominamos conteúdos que nos foram repassados, mas não é necessário que repassemos apenas isso. Partindo do que nossos alunos conhecem, podemos elaborar metas de trabalho inéditas e relevantes dentro e fora da sala de aula.



Desde 1998 eu já elaborava atividades que hoje são chamadas de projetos e que no meu âmbito de trabalho despertava resistência, indiferença ou aversão.

Entendia já naquela época que não era por falta de interesse, mas por desconhecimento das formas de desenvolver tais práticas. Vou mais além, cabia aos coordenadores a mediação destas propostas. Como professora, me deparava com dois problemas.



Se realizava algo com os alunos da própria sala, sem a participação dos mesmos, ouvia frases como. - Não é assim que se trabalha, o trabalho deve ser coletivo.

Se colocava a ideia e convidava alguém para desenvolver o mesmo, recebia a crítica de que devia fazer aquilo que todo mundo fazia, ou seja, seguir um currículo pré estabelecido. Perceberam como é difícil agradar a todos? Aí está o segredo. Não realizamos algo apenas para agradar, mas porque alguém tem que iniciar, tomar a responsabilidade de uma atividade que parte sempre de uma ideia e que é do interesse dos alunos. A frase chave era: - Sempre fiz assim e deu certo. Para que mudar?
Eis a palavra chave, mudar. Apenas 5 letrinhas e que fazem toda a diferença.

Se não estamos contentes com tudo que acontece em nossa sociedade, é porque não deu tão certo assim, concordam? Então comece ainda hoje uma mudança. Cito entre tantos exemplos de mudança, um aluno no qual ninguém mais acreditava, pois as repetitivas tomadas de atitudes eram sempre as mesmas. Conversando com ele, percebi que poderia fazer algo. Bastou dizer que ele era muito importante e mesmo que ninguém mais acreditasse nele, eu acreditava.
Não somos salvadores de ninguém, sabemos que erramos também, mas naquela hora a tarefa estava em minhas mãos. Percebi que o mesmo apenas pedia atenção. Falei que ele poderia torna-se o melhor aluno de sua sala, da escola, do mundo, que teria muito poder ao ler, estudar, pesquisar e ele sorriu.

Em seguida disse-me que ninguém parava para lhe escutar, então pedi que começasse a mudar, que deixasse de lado as conversas paralelas em sala e nas horas vagas lesse muito e risse enquanto lia, pois assim todos queriam saber porque estava rindo. Seria o início de uma conversa, falei para ele. Disse que falasse devagar e contasse o que estava lendo. Um dia desses não eram apenas alunos aproximando-se dele, mas ouvi alguém falando assim: - Olha só, ele está lendo, será que estou vendo bem? E outra pessoa falou: - milagres acontecem...
Contente, falei que não era milagre, mas que com certeza, algo verdadeiro teria feito diferença em sua vida. Claro que há um tempo para que cada um de nós possa mudar de atitudes mas há que haver motivação para isso, caso contrário, nada acontece.

Por isso estamos muito felizes em nossa escola! Os alunos estão mais dinâmicos e vão à biblioteca em busca de pesquisa e leitura até na hora do recreio. Isto é muito bom. Tem alunos monitores que tornaram-se contadores ou leitores de histórias e adoram o que fazem.
Continuaremos fazendo diferença na educação, ao encararmos de forma diferente a maneira de levar ao aluno nossos saberes acumulados ao longo dos anos e que torna-se obsoleto quando apenas são repassados, sem que o grupo de trabalho ao qual pertencemos e nossos educandos sejam partes integrantes do processo desta aprendizagem.

EDUCANDO PARA A SUSTENTABILIDADE, nossa professora de Ciências
organizou com seus alunos o plantio de flores na escola em garrafas pet.




Maria de Fátima Martins Baumgärtner
Professora Integrante do Programa de leitura e Pesquisa
Psicopedagoga Clínica e Institucional
Escritora/Poeta
EBM Pastor Faulhaber
Biblioteca Princesa Isabel
Blumenau - SC
(47) 84375004
....................................................................................

http://www.clicrbs.com.br/jsc/sc/impressa/4,186,3327698,17204

28/05/2011 | N° 12265
EDUCAÇÃO - Blog feito por alunos comemora dois anos

Esta matéria é do Diário. Eu nem sabia que estava no jornal.
29 de maio de 2011 | N° 9184
O X DA EDUCAÇÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário

POSTAGENS

Digite o assunto da sua pesquisa

Siga nosso blog!

Alguns dos blogs que sigo

CLIC RBS

clicRBS

Últimas notícias

Carregando...

Postagens mais acessadas

Você é muito especial!

Ocorreu um erro neste gadget

Mapa do local

ALFABETO DO TANGRAM